Meteorologia

  • 18 AGOSTO 2017
Tempo
26º
MIN 26º MÁX 26º

Edição

Temer diz que vai resistir: 'vou sair dessa crise'

Declarações foram feitas após divulgação da gravação de conversa entre o presidente e o empresário Joesley Batista

Temer diz que vai resistir: 'vou sair dessa crise'
Notícias ao Minuto Brasil

22:04 - 18/05/17 por Notícias Ao Minuto

Política entrevista

O presidente Michel Temer comentou brevemente a divulgação da áudio de uma conversa entre ele e o empresário Joesley Batista, dono da JBS, na noite desta quinta-feira (18).

Em declarações ao Blog do Camarotti, do G1, Temer disse que vai "resistir" e que vai "sair dessa crise mais rápido do que se pensa".

Assim como no pronunciamento feito mais cedo, o presidente negou ter autorizado compra do silêncio do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha. "Não estou comprando o silêncio de ninguém, isso não é verdade. Os áudios comprovam isso", disse.

"Essa é a tese que alicerça esse inquérito, de que eu avalizei a compra do silêncio do Eduardo Cunha. O que alicerça esse inquérito é que ele [Joesley Batista] teria dito que eu teria concordado com a compra do silêncio, o que não existe", comentou. "O que ele [Joesley] disse e que eu concordei é que ele estava se dando bem com Eduardo Cunha, por isso falei 'mantenha isso'".

Temer chamou de "irresponsabilidade" a denúncia contra ele. "Fiquei profundamente agastado com o episódio. Isso é uma irresponsabilidade. Não se pode tratar o país desse jeito. A Bolsa desabou!", afirmou.

"Ninguém chega aqui para me pedir renúncia. Pelo contrário, todos estão pedindo para eu resistir. Vou resistir. Se precisar, vou fazer outro pronunciamento amanhã. Vou sair dessa crise mais rápido do que se pensa."

LEIA TAMBÉM: Eleição direta ou indireta? Os cenários da possível queda de Temer

Campo obrigatório