Meteorologia

  • 10 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Meteoro é visto no céu do Rio de Janeiro

O monitoramento de bólidos (meteoros) nos céus do Brasil é realizado pela Exoss Citizen Science

Meteoro é visto no céu do Rio de Janeiro
Notícias ao Minuto Brasil

18:13 - 16/10/15 por Notícias ao Minuto

Brasil Fenômeno

Um fenômeno incomum cruzou o céu do Rio de Janeiro na madrugada desta sexta-feira (16). Alguns cariocas descreveram como "um clarão azul", "uma bola em chamas' ou "uma explosão"'.

O iG conversou com o pesquisador do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Marcelo De Cicco, ele é astrônomo e coordena o Exoss Citizen Science: Marcelo explicou que a forte luz que cortou o estado e durou poucos segundos era um meteoro.

O monitoramento de bólidos (meteoros) nos céus do Brasil é realizado pela Exoss Citizen Science. De Cicco relatou que mexia nas câmeras em sua base em Petrópolis, na Região Serrana, quando começou o fenômeno. "Foi por volta das 2h da manhã e eu estava fazendo ajustes na câmera quando o céu começou a iluminar e na hora percebi que era um bólido", explicou.

A reportagem refere que segundo a organização, às 01h59 o grande meteoro cruzou o oceano em direção ao estado do Rio de Janeiro e seu clarão no céu foi percebido em diversos estados da região sudeste do país.

Se você registrou este momento, pode compartilhar as fotos ou vídeos no site

www.press.exoss.org e escrever o seu relato. "Pedimos que as pessoas enviem as imagens para analisarmos a trajetória e sabermos de onde veio. Nossa rede é participativa, será de um valor enorme", disse o astrônomo.

Ainda de acordo com a publicação, um corpo técnico da organização irá analisar o fenômeno nos próximos dias, mas os dados preliminares indicam um brilho intenso, bem maior que a lua cheia e uma trajetória superior a 150km sobre os céus do litoral sudeste do país. A passagem do meteoro durou apenas 5 segundos até que ele se desintegrou sobre a atmosfera terrestre.

A reportagem também destaca que ainda não é possível saber o tamanho do meteoro ou deteminar se ele atingiu a terra. "Um corpo desse, dando um chute, teria em torno de 5 a 10 quilos, não é algo grandioso. Com a velocidade, causa este impacto luminoso e pode atingir de 50 mil a 80 mil km/hora", explicou De Cicco.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório