Meteorologia

  • 21 SETEMBRO 2017
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 16º

Edição

Manifestações em todo Brasil pedem renúncia de Temer; imagens

Confira a situação dos protestos nas diferentes regiões do país

- São Paulo

Notícias ao Minuto Brasil

14:12 - 20/05/17 por Notícias Ao Minuto

Brasil protestos

Mais de 50 manifestações foram marcadas em diferentes regiões do país nesta quinta-feira (18) pedindo a renúncia do presidente Michel Temer (PMDB) e eleições diretas. 

As chamadas para os protestos foram intensificadas após o presidente Michel Temer afirmar, no Palácio do Planalto, que não renunciará e que não teme delação.

Confira a situação dos protestos nas diferentes regiões do país.

Rio de Janeiro (RJ)

A manifestação seguia pacífica no centro da capital, até que um confronto com a polícia militar foi iniciado por volta das 20h15. Para conter a ação de manifestantes, agentes utilizaram bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha. 

Os atores Wagner Moura, Leandra Leal e Humberto Carrão foram flagrados no protesto. 

Olha ele... #DiretasJa #ForaTemer

Uma publicação partilhada por Vanessa Batista (@raptecamaleoa) a Mai 18, 2017 às 2:50 PDT

Em ato simbólico, manifestantes carregam caixão e fazem "velório" de Michel Temer, aos gritos de "Diretas, Já!". 

#foratemer #renunciatemer #DiretasJa

Uma publicação partilhada por Flavio Ozorio (@qorpoinsano) a Mai 18, 2017 às 2:36 PDT

Goiânia (GO) 

O ato seguia pacífico pelas ruas do centro da cidade, quando uma motorista tentou furar o bloqueio feito para o protesto. A ação gerou tumulto e terminou com duas pessoas feridas.

São Paulo (SP) 

A manifestação na capital paulista estava marcada para começar em frente ao Masp, na Avenida Paulista, às 19h. No entanto, manifestantes começaram a se reunir desde as 17h no local, com cartazes de 'Fora Temer', 'Fora todos eles' e 'Diretas já!'. Ato foi dispersado por volta das 21h30.

Brasília (DF) 

De acordo com a Polícia Militar, cerca 1,5 mil pessoas se reuniram por volta das 19h, em frente ao Palácio do Planalto. 

O ato começou de forma pacífica, mas terminou em confronto por volta das 21h. O tumulto começou na Praça dos Três e seguiu até a rodoviária do Plano Piloto.

Segundo informações do G1, a confusão começou após manifestantes derrubarem grades que protegiam o Palácio do Planalto, situadas a cerca de 50 metros da entrada principal do prédio.

Curitiba (PR) 

Mesmo com o frio de 15ºC e a chuva, centenas de manifestantes ocuparam a avenida Cândido de Abreu. Estudantes foram maioria em ato e seguravam faixas como "Greve geral" e "nem a direita nem o PT, trabalhador e estudante no poder"

+ Em pronunciamento, Michel Temer diz que não renuncia à Presidência

Campo obrigatório