Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2017
Tempo
10º
MIN 10º MÁX 10º

Edição

Juíza determina internação provisória de menor que atirou em escola

Decisão seguiu recomendação do MP; adolescente deve ficar internado por 45 dias

Juíza determina internação provisória de menor que atirou em escola
Notícias ao Minuto Brasil

05:08 - 22/10/17 por Notícias Ao Minuto

Brasil goiânia

A juíza plantonista Mônica Cézar Moreno Senhorello seguiu recomendação do Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) e determinou, neste sábado (21), a internação provisória do estudante de 14 anos que atirou contra colegas no Colégio Goiyases, em Goiânia. As informações são do G1.

O adolescente está apreendido na Delegacia de Polícia de Apuração de Atos Infracionais (Depai) após matar dois colegas e ferir quatro, em ataque realizado na sexta-feira (20).

+ 'Já perdoei. Foi uma fatalidade', diz pai de menino morto por atirador

A assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO) informa que o menor deverá se apresentar ao Juizado da Infância e Juventude na segunda-feira (23). O garoto foi ouvido pelo promotor de Justiça Cássio Sousa Lima na tarde de hoje.

"Eu tomei a medida de representar pela internação provisória dele por 45 dias até que termine o processo. Essa medida deve ser retocada de certos cuidados em virtude de ser filho de policiais militares para não colocar no meio de elementos perigosos que possam causar algumas represálias", disse o Sousa Lima à emissora TV Anhanguera.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório