Meteorologia

  • 22 ABRIL 2018
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Filho adotivo de australiano acusado de pedofilia nega abusos

Christopher Gott está foragido há mais de 20 anos no país

Filho adotivo de australiano acusado de pedofilia nega abusos
Notícias ao Minuto Brasil

05:49 - 16/04/18 por Notícias Ao Minuto

Brasil investigação

Um dos filhos de criação do australiano Christopher Gott, acusado de pedofilia em seu país de origem, saiu em defesa do pai em entrevista ao programa Fantástico, da Rede Globo, deste domingo (15).

Uma das vítimas de um atropelamento que fez 18 vítimas em Copacabana, no Rio, Gott é acusado de se esconder no Brasil há mais de 20 anos e permanece em coma três meses após o acidente. Ele usava um passaporte com nome Daniel Marcos Philips e trabalhava no país como professor de inglês.

+ Menino morre após picada de escorpião e falta de soro em hospital

Em entrevista ao programa, o jovem, identificado como Daniel, viveu por seis anos com o australiano e se disse "abalado" com as denúncias. O rapaz também disse que não sofreu abusos. O pai também pediu que o filho colocasse contas de luz, água e telefone em nome dele.

Christopher foi condenado há seis anos de prisão na Austrália por abuso de menores. Ele chegou a cumprir dois anos de prisão, ganhou liberdade condicional e fugiu do país após ser liberado. As autoridades do Brasil e da Austrália investigam o caso em conjunto.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório