Meteorologia

  • 17 AGOSTO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

'Viver nas ruas do Brasil é melhor', diz venezuelano em Roraima

ONU estima que 800 venezuelanos deixam o seu país e entram no Brasil por Roraima diariamente

'Viver nas ruas do Brasil é melhor', diz venezuelano em Roraima
Notícias ao Minuto Brasil

21:40 - 22/05/18 por Notícias Ao Minuto

Brasil crise

A reeleição do presidente Nicolás Maduro, nesse domingo (20), gerou indignação entre os imigrantes venezuelanos que estão vivendo em Roraima: "Viver nas ruas do Brasil é melhor do que ficar na minha própria casa lá na Venezuela".

As eleições da Venezuela foram marcadas por denúncias de fraude, abstenção de 54% e não reconhecida pela oposição, além de grande parte da comunidade internacional, incluindo o Brasil. Com o resultado, Maduro deve assumir um mandato de mais seis anos.

O venezuelano Julio Fuentes, de 29 anos, está vivendo nas ruas de Boa Vista há 20 dias e trabalhando como sucateiro. Ele contou em entrevista ao G1 que chegou ao Brasil de carona e a pé.

“Com Maduro no poder não temos perspectivas nenhuma. Quero um futuro para minha família e meus filhos. Viver nas ruas do Brasil é melhor do que ficar na minha própria casa lá na Venezuela", contou Fuentes, que está juntando dinheiro para trazer a família.

+ Avô pede guarda de menino abandonado em ponto de ônibus no ES

Um protesto contra as eleições da Venezuela tomou as ruas de Roraima nesse domingo (20). O estado teve um único posto de votação na capital, onde, segundo os imigrantes, só puderam votar aqueles que têm residência fixa no Brasil e se inscreveram previamente no consulado da Venezuela.

Beatriz Millan, de 37 anos, está em Roraima há quatro meses. Ela voltou para a Venezuela para buscar o namorado e afirma que a situação está cada vez pior.

"Em 3 meses a situação piorou, as coisas estão mais caras e o salário não dá pra comer. [...] Faltam medicamentos e muitas crianças estão morrendo de fome. Muitos recorrem ao lixo para se alimentar", disse ela ao site.

Segundo Beatriz, o resultado da eleição gera descrença. "Maduro diz que vai fazer uma Venezuela melhor, mas não acreditamos. Estamos desacreditados no governo, desacreditados na eleição e desacreditados que Maduro possa melhorar a Venezuela."

A ONU estima que 800 venezuelanos deixam o seu país e entram no Brasil por Roraima todos os dias para fugir da crise econômica e política que se instaurou por lá. Só nos últimos três anos, quase 20 mil venezuelanos pediram refúgio no estado, sendo que quase 3 mil vieram nos primeiros dois meses deste ano.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório
Competição
Quer ganhar um
iPhone X no valor de R$ 7.799? Não, obrigado

Notícias ao Minuto
Inscreva-se agora e concorra ao
SMARTPHONE
Mais cobiçado do momento
Complete as 5 etapas para participar
Notícias ao Minuto