Meteorologia

  • 17 JUNHO 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Bolsonaro exclui comunidade LGBTQI+ das diretrizes de Direitos Humanos

Novo ministério será liderado pela pastora Damares Alves

Bolsonaro exclui comunidade LGBTQI+ das diretrizes de Direitos Humanos
Notícias ao Minuto Brasil

16:07 - 02/01/19 por Notícias Ao Minuto

Brasil MP

A Medida Provisória de nº 870, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) nesta terça-feira (1º) exclui a comunidade LGBTQI+ da lista de políticas e diretrizes abrangidas pelo ministério dos Direitos Humanos.

Publicada ainda nesta terça no Diário Oficial da União, a MP inclui o novo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, que será liderado pela pastora Damares Alves. O texto diz explicitamente que as ações do ministério são destinadas à "mulheres, criança e adolescente, juventude, idoso, pessoa com deficiência, população negra, minorias étnicas e sociais e Índio".

A comunidade LGBTQI+, antes citada na estrutura da Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, não foi mencionada na MP 870. Segundo noticiou o 'Metrópoles', a pauta não foi direcionada a nenhuma secretaria até o momento.

Leia também: Michelle Bolsonaro recebe amigos para churrasco na Granja do Torto

+ Criança de 3 anos fica 50 min sozinha em lancha desgovernada no Tapajós

Médium que previu prisão de Pezão faz apostas para Bolsonaro

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório