Meteorologia

  • 25 ABRIL 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Após morte do pai, filhas de Boechat voltam às aulas e recebem apoio

Ricardo Boechat morreu há uma semana em um acidente aéreo

Após morte do pai, filhas de Boechat voltam às aulas e recebem apoio
Notícias ao Minuto Brasil

06:08 - 19/02/19 por Notícias Ao Minuto

Brasil luto

As filhas do jornalista Ricardo Boechat, vítima de um acidente aéreo na segunda-feira passada (11), voltaram às aulas uma semana após a perda do pai. As meninas, Valentina, de 14 anos, e Catarina, de 11, receberem mensagens de apoio na escola.

Veruska Seibel Boechat, esposa de Ricardo Boechat, usou as redes sociais para agradecer o carinho que tem recebido.  volta à rotina. "Hoje achei que era hora das nossas filhas voltarem à escola, em São Paulo, para a rotina delas, onde foram recebidas com lindas mensagens como essa", escreveu.

Boechat também era pai de Beatriz, 43 anos, Rafael, 39, Paula, 38, Patrícia, 30, do do casamento anterior.

Mãe do piloto que levava Boechat morre 3 dias após o filho

Leia o relato na íntegra abaixo:

"Sei que hoje haverá missas encomendadas por amigos queridos em memória do meu marido em cidades como o Rio, na igreja da PUC onde eu estudei, e em Vitória, minha terra natal, e que amanhã haverá uma missa em Niterói, onde moram meus cunhados com suas famílias e minha sogra e onde ele viveu tantos anos.

Com muita honra e orgulho agradeço tanto carinho, tantas orações. Mesmo que eu viva mil anos jamais conseguirei retribuir tanto amor, mas não estaremos presentes nelas, porque hoje achei que era hora das nossas filhas voltarem à escola, em São Paulo, para a rotina delas, onde foram recebidas com lindas mensagens como essa.

Eu queria estar em todas as homenagens, falar dele pra todo mundo, do meu amor por ele, do orgulho imenso que tenho pela pessoa que ele foi, mas essa semana vou ficar sozinha com elas, com ele no meu coração e nas memórias da nossa casa e com a minha dor", escreveu.

Ver esta publicação no Instagram

Sei que hoje haverá missas encomendadas por amigos queridos em memória do meu marido em cidades como o Rio, na igreja da PUC onde eu estudei, e em Vitória, minha terra natal, e que amanhã haverá uma missa em Niterói, onde moram meus cunhados com suas famílias e minha sogra e onde ele viveu tantos anos. Com muita honra e orgulho agradeço tanto carinho, tantas orações. Mesmo que eu viva mil anos jamais conseguirei retribuir tanto amor, mas não estaremos presentes nelas, porque hoje achei que era hora das nossas filhas voltarem à escola, em São Paulo, para a rotina delas, onde foram recebidas com lindas mensagens como essa. Eu queria estar em todas as homenagens, falar dele pra todo mundo, do meu amor por ele, do orgulho imenso que tenho pela pessoa que ele foi, mas essa semana vou ficar sozinha com elas, com ele no meu coração e nas memórias da nossa casa e com a minha dor.

Uma publicação partilhada por Veruska Seibel Boechat (@doceveruska) a 18 de Fev, 2019 às 12:27 PST

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório