Meteorologia

  • 26 SETEMBRO 2021
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Samara Felippo relata racismo que filha sofreu na escola

'Me deu taquicardia', afirma Samara Felippo ao relatar racismo que filha sofreu na escola

Samara Felippo relata racismo que filha sofreu na escola
Notícias ao Minuto Brasil

20:09 - 14/09/21 por Folhapress

Fama Redes Sociais

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Samara Felippo, 42, afirmou que a sua filha caçula, de oito anos, foi vítima de racismo na escola. Em live no Instagram nesta segunda (13), a atriz contou que sentiu taquicardia no momento em que a menina contou o que tinha acontecido.

"A [nome da menina] veio me relatando que um amiguinho dela chamou ela de negrinha chata: 'ah, sua negrinha chata'. Só que ela veio me contar isso, sei lá, uma semana depois do ocorrido", afirmou Samara na conversa online com a atriz Carolinie Figueiredo e a escritora Thainá Briggs, autora do livro "Mães Pretas - Maternidade Solo e Dororidade".

"Me deu uma taquicardia momentânea e eu falei: 'filha, está tudo bem? Como é que você recebeu isso? Você precisa falar para a professora na hora, porque o menino branco lá que falou não pode repetir isso. Ele tem que aprender que isso é crime'", contou a atriz.

Samara afirmou que mandou um email para a escola relatando o que aconteceu. Como resposta, ela disse que a instituição chamou os pais e o menino para conversarem sobre o assunto. "Eu estava até discutindo isso com o meu companheiro: 'Como é que a gente vai começar a ter uma resposta positiva da sociedade se esse menino branco chega na escola, que se diz inclusiva, antirracista, mas em casa os pais são imbecis, e ele vai repetir o que os pais estão falando", disse.

"E crianças como a minha filha e tantas crianças pretas que deixam de ir para a escola e são feridas na primeira infância, atravessadas pelo racismo...", acrescentou.

A atriz disse que ficou muito irritada quando soube do acontecido. "E ela [a filha] é forte sabe... Eu falei: 'você está bem meu amor, está tudo bem? Você se ofendeu, se humilhou?' Ela respondeu: 'não, mamãe, eu só fiquei com vergonha de falar na hora'. Eu disse: 'mas tem que falar na hora, não só para esse corpo docente saber, ter capacidade de lidar com a situação racista, como para esse menino aprender também'", completou.

As duas filhas da atriz, de 8 e 12 anos, são frutos do relacionamento dela com o jogador de basquete Leandrinho, 38 –o casal se separou em 2013.

Receba as notícias dos famosos, novelas, BBB e outros reality shows.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de actores, actrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório