Meteorologia

  • 11 DEZEMBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Personalidades defendem Fernanda Montenegro após ataques de diretor

As ofensas foram proferidas pelo diretor do Centro de Artes da Funarte, Roberto Alvim

Personalidades defendem Fernanda Montenegro após ataques de diretor
Notícias ao Minuto Brasil

06:00 - 24/09/19 por Folhapress

Cultura FERNANDA-MONTENEGRO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Depois das ofensas à Fernanda Montenegro por parte do dramaturgo e diretor do Centro de Artes da Funarte, Roberto Alvim, uma série de personalidades saiu em defesa da atriz. Alvim havia chamado a atriz de "mentirosa" e afirmado que sentia "desprezo" por ela nas redes sociais.

Apesar de a maioria das mensagens de apoio à Fernanda vir de membros da classe artística, outras foram publicadas por políticos, caso do prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), e de Ciro Gomes, candidato à Presidência da República pelo PDT nas eleições do ano passado.

Enquanto Covas escreveu no Instagram que Fernanda é "um ícone da cultura nacional e deve ser respeitada e tratada com o valor que merece", Ciro chamou Alvim de "vagabundo...medíocre, picareta" no Twitter. "Lave a boca para falar de Fernanda Montenegro nossa atriz mundialmente respeitada", escreveu.

Até mesmo o presidente da Funarte, Miguel Proença, disse estar "completamente chocado" com o posicionamento de Alvim. Em uma entrevista ao jornal O Globo, ele afirmou ter encaminhado um pedido de desculpas à atriz em nome da instituição, além de ter requisitado uma audiência com o ministro da Cidadania, Osmar Terra, para "tomar previdências".

Além de Covas e Ciro, atores, diretores e músicos também saíram em defesa de Fernanda, alguns deles usando a hashtag #SomosTodosFernanda e variações.

É o caso das atrizes Drica Moraes e Leona Cavalli, do diretor Miguel Falabella e do sambista Nelson Argento. A Associação dos Produtores de Teatro, a APTR, foi outra que repudiou as declarações do dramaturgo por meio de um posicionamento oficial.

Eles respondem a duas postagens de Alvim no Facebook, publicadas no domingo (22) e nesta segunda (23). Nelas, o diretor critica uma entrevista de Fernanda à revista literária Quatro Cinco Um. Num pôster da edição, a atriz aparece vestida de bruxa diante de uma fogueira de livros –o ensaio fotográfico comemorou o lançamento de uma autobiografia em que ela conta sua trajetória nos palcos este mês.

"Fernanda mente escandalosamente, deturpa a realidade de modo grotesco, ataca o presidente e seus eleitores de modo brutal, e eu sou grosseiro e desrespeitoso, apenas por ter revidado a agressão falaciosa perpetrada por ela?", escreveu o dramaturgo, apoiador de Jair Bolsonaro, em uma das postagens.

Campo obrigatório