Meteorologia

  • 16 JUNHO 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Flying Lotus conquista público com direito a tema de 'Twin Peaks'

Produtor americano fez uma apresentação visualmente impactante no Soundhearts Festival, em São Paulo

Flying Lotus conquista público com direito a tema de 'Twin Peaks'
Notícias ao Minuto Brasil

22:45 - 22/04/18 por Folhapress

Cultura São Paulo

Parecia haver mais pessoas nos bares nos arredores do Allianz Parque do que dentro do estádio quando os paulistanos do Aldo the Band deram início ao Soundhearts Festival, na tarde deste domingo (22), em São Paulo. A banda era a primeira de três atrações que tinham como missão entreter fãs do Radiohead, a maioria no local, que só tocaria no fim da noite, dois dias após uma apresentação no Rio, fechando sua segunda passagem pelo Brasil -a estreia foi em 2009.

Em meia hora de show, a banda fundada pelos irmãos André e Murilo Faria mostrou seu indie rock com influências eletrônicas, carregado de guitarras distorcidas e sintetizadores. Carismáticos, dançaram e dedicaram uma música a um fã que morreu de forma prematura.

+ Aos 87 anos, Omara Portuondo dança até o chão em shows no Brasil

Os brasileiros deram lugar a Junun, projeto de música indiana que tem entre seus integrantes o guitarrista Jonny Greenwood, do Radiohead, que era a grande expectativa da noite. Greenwood, no entanto, ficou ao fundo, dando espaço aos seus colegas de palco: cinco músicos do Rajasthan Express - que se dividiam nos vocais, tabla, bongô, sruthi box (uma espécie de sanfona acoplada a uma caixa de madeira) e trompete - e o israelense Shye Ben Tzur, que tocava guitarra e flauta de bambu.

O repertório do grupo, cantado em hindi, urdu e hebraico, transmitia com a sonoridade do norte da Índia letras sobre devoção a Deus. Mesmo sem entender o que era dito, o público embarcou na proposta, em parte conquistado pelo carisma dos indianos.

Em seguida, o produtor americano Flying Lotus fez uma apresentação visualmente impactante, posicionado entre dois telões translúcidos onde eram projetadas imagens de caleidoscópios, cenas de vídeos e outros padrões que hipnotizavam o público. O set de música eletrônica experimental começou morno, mas animou o público com batidas que simulavam samba, um pout-pourri de faixas do rapper Kendrick Lamar, com quem tem diversas parcerias.

"Alguém me pediu para tocar isso", disse antes de apresentar o tema de "Twin Peaks", de Angelo Badalamenti. Outros pontos altos foram "The Killing Joke", em que mescla hip-hop com sample de "Ave Lúcifer", dos Mutantes, e "White Queen (As It Began)", do Queen, com a qual homenageia Freddie Mercury. Com informações da Folhapress.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório