Meteorologia

  • 20 NOVEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Centro de homens brancos, diz ex-ministro sobre falta de negros na ABL

Eloi Ferreira, que chefiou a pasta da Igualdade Racial, disse que gostaria de ver mais negros na Academia Brasileira de Letras

Centro de homens brancos, diz ex-ministro sobre falta de negros na ABL
Notícias ao Minuto Brasil

17:39 - 01/09/18 por Notícias Ao Minuto

Cultura ACADEMIA BRASILEIRA

O ex-ministro da Igualdade Racial, Eloi Ferreira, ficou um pouco frustrado com o fato de a escritora mineira Conceição Evaristo não ter conquistado uma cadeira na Academia Brasileira de Letras. Ela, que é negra, disputou o lugar que foi de Nelson Pereira dos Santos, morto em abril, mas a “imortalidade” na ABL ficou com o cineasta alagoano Cacá Diegues, que recebeu a maioria dos votos.

Em entrevista à colunista Marina Caruso, do jornal “O Globo”, Eloi opinou acerca da não eleição de Conceição Evaristo.

“A invisibilidade da comunidade negra promove a sua inviabilidade. Conceição Evaristo, por mais brilhante que seja, é invisível aos olhos da elite intelectual branca”, disse o ex-ministro, que sonhar ver negros ocupando cadeiras na ABL.

“A ABL é um centro de homens brancos. As honrosas exceções de gênero e do único negro membro Domício Proença só confirmam a regra. É imprescindível que a Casa se abra a autores negros e negras”, afirmou Eloi, que foi ministro no governo Lula.

Vale ressaltar que, por outro lado, Eloi reconheceu o merecimento de Cacá Diegues. “É um dos mais brilhantes intelectuais da atualidade. A ABL ganha com sua presença”, concluiu.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório