Meteorologia

  • 18 OUTUBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Engenheiro de som dos Beatles, Geoff Emerick morre aos 72 anos

Em 2006, ele publicou um livro chamado "Here, There and Everywhere: Minha Vida Gravando os Beatles"

Engenheiro de som dos Beatles, Geoff Emerick morre aos 72 anos
Notícias ao Minuto Brasil

17:57 - 03/10/18 por Folhapress

Cultura Música

Geoff Emerick, ex-engenheiro de som dos Beatles, morreu na noite de terça (2). Ele tinha 72 anos e sofreu um ataque cardíaco.

Emerick ficou conhecido pelo seu trabalho no grupo inglês, como engenheiro chefe -o que significa coordenar todo o processo de gravação- de três discos do quarteto: "Revolver" (1966), "Sgt Pepper's Lonely Hearts Club Band"(1967) e "Abbey Road"(1969), que marcou seu retorno ao grupo.

+ Parceiro de Paulinho da Viola, Casquinha da Portela morre aos 95 anos

Ele também participou de parte das gravações de "White Album" (1967), mas não concluiu o trabalho por conflitos entre ele e os integrantes da banda -a parceria, porém, logo foi retomada. O britânico também foi engenheiro de som de "Band On The Run",  aclamado disco solo de Paul McCartney com a banda The Wings, pelo qual ganhou um Grammy.

Emerick começou a trabalhar como engenheiro assistente no estúdio EMI , no início dos anos 1960, quando tinha 15 anos.

Ele encontrou os Beatles pela primeira vez em 1963, quando era operador de áudio. Três anos depois, foi promovido a engenheiro de som e firmou sua parceria com o grupo que duraria até 1969.

Giles Martin, filho do falecido produtor dos Beatles George Martin, descreveu Emerick como "um dos maiores e mais inovadores engenheiros de som com quem já dividiu um estúdio".

Em 2006, ele publicou um livro chamado "Here, There and Everywhere: Minha Vida Gravando os Beatles", no qual contou ricas e até então desconhecidas histórias sobre o quarteto inglês, como na ocasião em que John Lennon pediu a ele que "sua voz soasse como Dalai Lama em cima da montanha", durante as gravações do disco "Revolver".

O ex-beatle Paul McCartney escreveu em seu site pessoal uma homenagem ao ex-parceiro: "Sempre me lembrarei dele com muito carinho e sei  que seu trabalho será lembrado por todos que amam a música. Foi um privilégio conhecer você". Com informações da Folhapress. 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório