Meteorologia

  • 07 DEZEMBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

James Ingram, voz de hits românticos como 'Just Once', morre aos 66

Cantor sofria com um câncer no cérebro

James Ingram, voz de hits românticos como 'Just Once', morre aos 66
Notícias ao Minuto Brasil

06:44 - 30/01/19 por Folhapress

Cultura Óbito

Famoso por sucessos românticos dos anos 1980 e 1990 como "Just Once" e "Baby Come to Me", o cantor James Ingram morreu nesta terça (29), aos 66 anos.

Segundo o site americano TMZ, que primeiro deu a notícia, Ingram teve um câncer no cérebro.

A informação foi publicada no Twitter pela atriz e diretor Debbie Allen, amiga de Ingram.

"Perdi para o coro celeste meu querido amigo e parceiro criativo James Ingram", ela escreveu. "Ele será sempre lembrado, amado e celebrado por seu gênio, seu amor pela família e sua humanidade. Eu sou abençoada por ter sido tão próxima. Vamos mencionar seu nome para sempre."

Ingram foi um nome forte entre os cantores de rhythm and blues e soul nos anos 1980 e 1990, período no qual recebeu dois prêmios Grammy.

+ Astro da NBA, Kyrie Irving vai estrelar filme de terror

Ao longo de sua carreira, Ingram atingiu oito vezes o topo do ranking da revista americana Billboard. Seu primeiro sucesso a liderar as paradas foi "Baby, Come to Me", em 1982, em dueto com Patti Austin. Ele repetiu o feito em 1990, com a música "I Don't Have the Heart".

Ingram também era conhecido pelo seu trabalho como compositor de trilhas sonoras, principalmente pelo dueto com Linda Ronstadt em "Somewhere Out There" - a canção serviu de trilha ao filme "An American Tail" ("Um Conto Americano", 1986) e ganhou o Grammy de Música do Ano em 1986.

Ingram foi também o coautor, junto de Quincy Jones, da música "P.Y.T. (Pretty Young Thing)", sucesso de Michael Jackson no álbum "Thriller" (1982).

+ Ator Gilberto Marmorosch morre aos 74 anos no Rio

O músico foi duas vezes indicado ao Oscar na categoria melhor trilha sonora: em 1994, com o filme "Beethoven's 2nd" ("Beethoven 2", 1993), e em 1995, com o filme "Junior" (1994), protagonizado por Arnold Schwarzenegger, Danny DeVito e Emma Thompson.

O cantor foi indicado para mais 14 prêmios Grammy entre 1982 e 1996, tendo vencido em 1981, na categoria Melhor Performance Vocal Masculina de R&B, com a canção "One Hundred Ways", e em 1984, na categoria Melhor Música de Duo ou Grupo, com a música "Yah Mo B There".

O cantor, que segundo informações iniciais estava doente há bastante tempo, manteve pouca produção nos últimos anos.

Seu último disco, "Stand (in the Light)", coproduzido por Quincy Jones, foi lançado em 2008, e, antes disso, seu último álbum havia sido lançado em 1993. Com informações da Folhapress.

Campo obrigatório