Meteorologia

  • 21 SETEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Após prisão de Joesley e inquérito contra Temer, dólar opera estável

Mesmo com o cenário donéstico agitado, a moeda segue estável em relação ao real

Após prisão de Joesley e inquérito contra Temer, dólar opera estável
Notícias ao Minuto Brasil

10:30 - 13/09/17 por Notícias Ao Minuto

Economia Câmbio

A prisão de Wesley Batista, da JBS, nesta quarta-feira (13), e a abertura de novo inquérito contra o presidente Michel Temer (PMDB) não trouxeram grandes alterações à cotação do dólar. Mesmo com o cenário donéstico agitado, a moeda segue estável em relação ao real nesta quarta-feira (13). Às 9h09, o dólar subia 0,04%, vendido a R$ 3,1305, enquanto no dia anterior havia fechado em alta de 0,81%,  sendo vendido a R$ 3,129.

O inquérito contra Temer foi aberto pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luis Roberto Barros, com base na delação de executivos da J&F. A suspeita é que o presidente esteja envolvido num esquema de corrupção e lavagem de dinheiro na edição de um decreto para mudar regras portuárias.

Segundo informações do G1, o Banco Central ainda não anunciou qualquer intervenção no mercado de câmbio nesta sessão. É válido lembrar que em outubro vencem US$ 9,975 bilhões em contratos de swap cambial tradicional, equivalentes à venda de dólares no mercado futuro.

Leia também: Dívida da Petrobrás pode ser assumida por funcionários da estatal

Campo obrigatório