Meteorologia

  • 24 JUNHO 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Caixa reduz juros para compra da casa própria com recursos da poupança

A taxa mínima passa de 9% ao ano para 8,75% no SFH

Caixa reduz juros para compra da casa própria com recursos da poupança
Notícias ao Minuto Brasil

06:35 - 25/08/18 por Folhapress

Economia imóveis

A Caixa Econômica Federal, líder na concessão de crédito imobiliário no Brasil, anunciou nesta sexta-feira (24) a redução nos juros do segmento com recursos da poupança, o chamado SBPE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo).

A taxa mínima passa de 9% ao ano para 8,75% no SFH (Sistema Financeiro de Habitação), que financia à pessoa física imóvel residencial de até R$ 800 mil para todo país, exceto RJ, SP, MG e DF, onde o limite é de R$ 950 mil.

Para imóvel acima do SFH, que está no SFI (Sistema de Financiamento Imobiliário, que não usa dinheiro da poupança), a taxa vai de 10% a 9,5%.

+ Hyundai apresenta nos EUA renovação do Elantra, que é vendido no Brasil

Além de mexer nos juros, a Caixa aumentou o limite de financiamento a usados de 70% para 80%. As mudanças valem a partir desta sexta.

A Caixa detém 69,3% de todo o crédito imobiliário do país e tem R$ 82,1 bilhões disponíveis para empréstimo habitacional em 2018.

Desde o dia 17, o Itaú reduziu suas taxas da Carteira Hipotecária (CH) de 9% ao ano para 8,8%, unificando-as com os juros do SFH.

A CH permite que pessoas físicas e jurídicas contratem crédito para aquisição de imóvel residencial e comercial, usando recursos de investimentos e ou da poupança, mas não o FGTS.

"Nossa intenção é investir no produto porque acreditamos que o mercado está voltando", afirma Cristiane Magalhães, diretora de crédito imobiliário do Itaú Unibanco. Com informações da Folhapress. 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório