Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Confira sete dicas para acabar com as dívidas

Doutor em Educação Financeira mostra o caminho para sair do vermelho

1 - Tudo na ponta do lápis - A primeira dica é colocar na ponta do lápis todas as dívidas que possuir, separando as que correspondem a serviços e produtos de necessidade básica, que não podem ser cortados (como água, energia elétrica, gás e aluguel) e as que sofrem juros mais altos (como cartão de crédito e cheque especial), considerando essas como prioridade para pagamento. 

Notícias ao Minuto Brasil

09:05 - 23/01/19 por Notícias Ao Minuto

Economia saia do vermelho

Dados apontados pelo SPC Brasil e CNDL mostram que mais de 63 milhões de brasileiros se encontravam indadimplentes em novembro do ano passado. O primeiro passo para quem enfrenta problemas financeiros é não entrar em desespero, colocar os pés no chão, encarar a realidade e, é claro, se planejar para sair dessa situação de forma definitiva.

“Sempre costumo dizer que ter dívidas não é um problema e muitos me questionam, mas a verdade é que o maior problema é não conseguir arcar com esse compromisso, que é justamente o que acontece atualmente com milhões de brasileiros. É preciso mudar o comportamento em relação ao uso do dinheiro para construir uma vida mais sustentável financeiramente, tratar o problema na raiz, evitando assim entrar num ciclo de endividamento”, orienta Reinaldo Domingos, do canal Dinheiro à Vista.

Veja na galeria acima 7 passos preparados pelo educador para sair das dívidas definitivamente. 

Leia também: Analistas de mercado acharam raso discurso de Bolsonaro em Davos

+ Arábia Saudita desabilita 33 frigoríficos de carne de frango do Brasil

Campo obrigatório