Meteorologia

  • 29 SETEMBRO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Memorial dedicado a Marta no estádio Rei Pelé está fechado

Além da reforma do espaço, há uma discussão sobre a mudança do nome do estádio, de Rei Pelé para Rainha Marta.

Memorial dedicado a Marta no estádio Rei Pelé está fechado
Notícias ao Minuto Brasil

16:30 - 03/01/20 por Folhapress

Esporte FUTEBOL-MARTA

MACEIÓ, AL (FOLHAPRESS) - Em dias sem jogos, é fácil entrar nas instalações do estádio Rei Pelé, em Maceió. Basta passar por um portão. Lá dentro, no entanto, algumas portas ficam fechadas o tempo todo.

É o caso atualmente do Memorial Rainha Marta, dedicado à atacante brasileira. Inaugurado em dezembro 2014, o local não funciona há três meses, de acordo com informações do governo estadual.

A reportagem visitou o espaço no dia 5 de novembro de 2019, às 15h45, e não encontrou ninguém. O lugar estava trancado. Através das janelas, foi possível ver que, dentro do memorial, havia algumas réplicas de troféus espalhadas pelo chão e uma escada de metal. As gravuras das paredes estavam desbotadas.

Do lado de fora do prédio, havia sinais de obras: ferramentas de construção pelo chão e cimento aparente na parede. No horário da visita da reportagem, porém, ninguém trabalhava no local.

Funcionários do estádio Rei Pelé que preferiram não se identificar informaram que as reformas começaram na última semana de outubro de 2019, mas ninguém sabe o que será feito no lugar.

Os funcionários confirmaram que o Memorial da Rainha Marta não é aberto para visitação há algum tempo.

Após a inauguração em 2014, o local ficou aberto apenas um dia. Voltou a funcionar em 2016, com a promessa de que se tornaria um espaço para reunir os prêmios de Marta, além de lembranças de sua carreira, como camisas e réplicas dos troféus.

A atacante da seleção e do Orlando Pride (EUA) já foi eleita a melhor jogadora do mundo seis vezes e no ano passado fez seu 17º gol em Copas do Mundo, na França. Ninguém marcou mais do que ela em Mundiais. Marta fez gols em cinco edições do torneio.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da Secretaria de Estado do Esporte, Lazer e Juventude de Alagoas, mas o órgão se negou a falar. A reportagem então apresentou um pedido pela Lei de Acesso à Informação, e a secretaria enviou nota afirmando que o memorial está em obras e deve voltar a funcionar no primeiro semestre.

A secretaria também informou que, em 2019, antes do início da reforma, 1.500 pessoas visitaram o espaço por meio de visitas guiadas.

Ainda de acordo com a nota, o memorial está passando por "por várias melhorias estruturais e modernização" e "contará com acervo que demonstrará a trajetória da homenageada, com equipamentos que possibilitarão interação com o público".

Segundo a secretaria, "os procedimentos inaugurados para a manutenção do Memorial Rainha Marta já foram concluídos".

Além da reforma do espaço, há uma discussão sobre a mudança do nome do estádio, de Rei Pelé para Rainha Marta.

Em 2019, o deputado Antônio Albuquerque (PTB-AL) apresentou um projeto que prevê a troca. A proposta foi aprovada pela Assembleia Legislativa de Alagoas.

O deputado Silvio Camelo (PV), por meio de emenda, propôs que os dois ídolos recebessem a homenagem: Estádio Rei Pelé e Rainha Marta. Essa emenda ainda não foi votada pela Casa. Depois do trâmite legislativo, a decisão de sanção ou veto do projeto caberá ao governador do Alagoas, Renan Filho (MDB).

Marta foi procurada para falar sobre o memorial por meio do seu empresário, mas ele não respondeu às mensagens e ligações da reportagem.

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório