Meteorologia

  • 26 NOVEMBRO 2021
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Com boa atuação de Vini Jr, Real vence 4º clássico consecutivo contra o Barcelona

O resultado deixa o Real Madrid com 20 pontos, provisoriamente na liderança

Com boa atuação de Vini Jr, Real vence 4º clássico consecutivo contra o Barcelona
Notícias ao Minuto Brasil

18:21 - 24/10/21 por Estadao Conteudo

Esporte Campeonato Espanhol

Vencedor dos últimos três clássicos contra o Barcelona, o Real Madrid alcançou o quarto triunfo consecutivo neste domingo, ao vencer o rival por 2 a 1, em jogo válido pela décima rodada do Campeonato Espanhol, no Camp Nou. Com uma boa atuação de Vinícius Júnior, o time comandado por Carlo Ancelotti garantiu o resultado graças a gols marcados por Alaba e Lucas Vázquez, diante de uma multidão de barcelonistas frustrados, que celebraram apenas uma bola colocada na rede por Agüero nos acréscimos.

A série de quatro vitórias no dérbi é a maior do time merengue desde o período entre 1962 e 1965, quando venceu sete vezes seguidas. O resultado deixa o Real Madrid com 20 pontos, provisoriamente na liderança, dependendo de uma derrota do Real Sociedad para o Atlético de Madrid, mais tarde neste domingo, para permanecer na posição. O Barcelona, por sua vez, fica com a oitava colocação, com 15 pontos somados, ainda oscilando na disputa da liga nacional.

O clássico deste final de semana foi diferente dos disputados ao longo dos últimos anos, pois não contava com a presença de protagonistas da grande rivalidade espanhola. Para o Barcelona, foi o primeiro encontro com os rivais desde a saída de Messi, autor de 26 gols marcados e 14 assistências em 45 clássicos disputados. Do lado do Real, não havia a liderança de Sergio Ramos, que se despediu em junho ao se transferir para o PSG, assim como Messi, após 16 temporadas em Madri.

Sem esses nomes que fizeram história no emblemático confronto espanhol, quem assumiu o protagonismo da partida foi Vinícius Júnior, inspirado desde o início do primeiro tempo. O brasileiro de 21 anos arriscou uma série de jogadas individuais e deu muito trabalho para a defesa barcelonista. Em uma das investidas, aos 19 minutos, passou a bola entre as pernas de Mingueza, invadiu a área e caiu pedindo pênalti após nova disputa com o lateral adversário, mas o árbitro mandou seguir o jogo.

Quando o gol merengue saiu, Vini participou da jogada. Aos 30 minutos, ele puxou contra-ataque ao receber a bola na defesa e tocou para Rodrygo, que dominou no meio de campo e abriu para Alaba invadir a área pelo canto esquerdo antes de bater firme na bola, marcando um golaço. Atrás no placar, o Barcelona deu alguns sinais de reação, com Ansu Fati aparecendo um pouco mais no jogo, mas não o suficiente para mudar o placar antes do intervalo.

O time comandado por Ronald Koeman voltou para o segundo tempo com Philippe Coutinho no lugar de Mingueza, substituição que não mudou tanto o cenário. De qualquer forma, o Real diminuiu um pouco ritmo e deixou o jogo mais aberto. Uma boa chance de ampliar a vantagem surgiu aos 26 minutos, no momento em que Benzema recebeu passe de Mendy, ficou de frente para o gol aberto e furou.

O Barcelona até pressionou nos minutos finais, mas deu espaço para os visitantes matarem o jogo. Aos 48 minutos, um bom contra-ataque acabou com assistência de Asensio e gol de Lucas Vázquez. Ainda houve tempo de um gol de Agüero, no último minuto dos acréscimos, muito tarde para evitar a vitória dos rivais no Camp Nou.

O Real Madrid volta a campo na próxima quarta-feira para enfrentar o Osasuna, a partir das 16h30, em jogo válido pela 11ª rodada do Campeonato Espanhol, no Santiago Bernabéu. Um pouco mais cedo, às 14 horas, o Barcelona enfrenta o Rayo Vallecano, em Vallecas.

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório