Militares vão reforçar segurança do STJD no julgamento do Fla x Flu

Pelo menos dez militares vão proteger o prédio do tribunal

© NELSON PEREZ/FLUMINENSE F.C.
Esporte justiça 17:50 - 18/10/16 POR Folhapress

Policiais militares vão reforçar a segurança do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) no julgamento do pedido de anulação do clássico entre Fluminense Flamengo.

PUB

Pelo menos dez militares vão proteger o prédio do tribunal, que fica localizado na avenida Rio Branco, um das principais vias do centro do Rio.

Os auditores temem manifestações dos torcedores dos dois clubes no dia da sessão, que ainda não foi marcada, mas deve ocorrer na próxima semana.

Nesta segunda (17), o órgão aceitou abrir o processo e determinou que a CBF suspendesse o resultado da partida até o julgamento. Nesta terça (18), a CBF atualizou a tabela de classificação do Campeonato Brasileiro com a exclusão de três pontos do Flamengo pela vitória por 2 a 1, em Volta Redonda.

Com isso, o Palmeiras ficou sete pontos na frente do time da Gávea.

O tribunal vai julgar um suposto uso de interferência externa na anulação do gol do tricolor Henrique, que decretaria o empate com o rival. Nesta quinta (20), o STJD vai decidir a data da sessão.

Em 2013, quase uma centena de policiais foram obrigados a reforçar a segurança do tribunal. O pedido de policiamento foi feito após funcionários do órgão serem ameaçados por telefonemas anônimos de torcedores do Flamengo e do Fluminense.

Na época, o STJD julgou a denúncia da procuradoria que pediu que Portuguesa e Flamengo perdessem quatro pontos no Campeonato Brasileiro.

O time paulista perdeu os pontos. Já o Fluminense se livrou do rebaixamento. Com informações da Folhapress.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

X