Meteorologia

  • 15 OUTUBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

D'Alessandro comemora 11 anos de Inter e garante: 'Continuo com fome'

D'Ale aportou em 2008 no clube gaúcho, advindo do San Lorenzo

D'Alessandro comemora 11 anos de Inter e garante: 'Continuo com fome'
Notícias ao Minuto Brasil

19:30 - 30/07/19 por Estadao Conteudo

Esporte camisa 10

São 453 partidas e 13 taças com a mesma camisa, a do Internacional, em 11 anos completados nesta terça-feira. Na véspera do jogo decisivo das oitavas de final da Copa Libertadores contra o Nacional, do Uruguai, em Porto Alegre, o meia argentino D´Alessandro, campeão em 2010 da competição com a equipe gaúcha, garante: "Continuo com fome".

D'Ale, como é carinhosamente chamado pela torcida, aportou em 2008 no clube gaúcho, advindo do San Lorenzo. Desde então, acumulou polêmicas em campo, por conta de sua inquietude peculiar, e muita disposição para marcar história no clube, o que rapidamente conquistou a parte vermelha do Rio Grande do Sul.

"Não é normal no futebol contemporâneo atletas ficarem tanto tempo em um clube. Tenho muito orgulho e muita honra de vestir uma camisa pesada, importantíssima em nível brasileiro e internacional", opinou o camisa 10, campeão da Libertadores apenas dois anos depois de sua contratação.

Aos 38 anos, o jogador, que foi formado na base do River Plate e teve passagens por clubes da Alemanha (Wolfsburg) e da Espanha (Zaragoza), relembrou detalhes do dia em que chegou ao Beira-Rio. "Passa um filme pela cabeça do dia em que cheguei aqui. Lembro de tudo, vi o vídeo da coletiva, a chegada ao aeroporto, o cabelo comprido... (risos). Eu era um guri, que não sabia o que poderia acontecer no Brasil, mas que tinha muita vontade".

Sobre o calendário apertado e a pressão por títulos de um clube que atua em três frentes - Copa Libertadores, Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil -, D'Alessandro afirma que a motivação não poderia ser maior. "Continuo com fome, precisamos disso para continuar vivos no futebol. Sou atleta profissional 24 horas por dia, não só no clube, mas também na vida pessoal, e isso não vai mudar até o último dia. Tudo que existe para conquistar, vamos batalhar", prometeu o jogador, que já marcou 92 gols pelo time colorado.

Um dos três campeonatos almejados pelo Internacional tem compromisso dos mais importantes programado para esta quarta-feira. Vencedores da partida de ida das oitavas de final por 1 a 0, na última semana, em Montevidéu, os gaúchos fecharam a preparação para o confronto em treino na tarde desta terça-feira.

O técnico Odair Hellmann não deve ter desfalque para o jogo no estádio Beira-Rio. Só os reservas Rodrigo Dourado, Emerson Santos e Roberto foram poupados da atividade nesta terça-feira e não devem estar à disposição do treinador para a partida. Por outro lado, quem está de volta aos treinos e fica como opção é o atacante William Pottker, recuperado de uma lesão muscular que o afastou dos gramados desde o início de julho.

Mesmo com a vantagem de poder empatar o duelo diante dos uruguaios em casa para passar às quartas de final do torneio continental, o Internacional realizou treinamento específico de pênaltis. A disputa da marca do cal só vai ocorrer se o Nacional-URU vencer por 1 a 0.

A provável escalação do Internacional nesta quarta-feira é: Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenílson, Patrick, D’Alessandro e Nico López; Guerrero.

Transmissões ao vivo dos jogos dos principais times do Brasileirão!

Veja resultados, notícias, entrevistas, fotos, vídeos e os bastidores do mundo do esporte

Obrigado por ter ativado as notificações do Esporte ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório