Meteorologia

  • 29 FEVEREIRO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

'Salve-se Quem Puder' tem furacão e mocinhas que trocam de identidade

Deborah Secco é uma das três protagonistas de "Salve-se Quem Puder", que estreia agora na faixa das 19h, na Globo

'Salve-se Quem Puder' tem furacão e mocinhas que trocam de identidade
Notícias ao Minuto Brasil

14:15 - 27/01/20 por Folhapress

Fama Novela

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - "Ele tem veia de noveleiro", diz a atriz Deborah Secco, sobre o autor Daniel Ortiz. "Ele faz uma novela que não é muito essa novela atual, que beira a série. O Daniel faz uma novela raiz."

A atriz é uma das três protagonistas de "Salve-se Quem Puder", que estreia agora na faixa das 19h, na Globo. É o terceiro folhetim que Ortiz assina como o titular nesse horário e o primeiro, na emissora, com história também criada por ele.

"A ideia me veio de uma subtrama de 'Alto Astral'", conta Ortiz, que escreveu aquela novela de 2014 a partir de uma sinopse de Andréa Maltarolli. 

"Lá, tinha uma personagem chamada Scarlett, feita pela Monica Iozzi. Uma patricinha que precisava passar um ano sob outra identidade, levando vida de pobre, para ter direito à herança de um tio rico."

Ortiz sentiu que o mote da troca de identidade daria uma novela inteira. E se lembrou então do Provita, o Programa Federal de Assistência e Proteção a Vítimas e Testemunhas. 

Ao contrário do similar americano, que já inspirou dezenas de filmes e séries, o Provita nunca foi aproveitado pela teledramaturgia brasileira.

"Salve-se Quem Puder" é centrada em três mulheres –Alexia, papel de Deborah Secco, uma atriz de musicais prestes a fazer sua primeira novela na Globo, Kyra, vivida por Vitória Strada, que está de casamento marcado e sonha em ter filhos, e Luna, feita por Juliana Paiva, uma brasileira criada no México, em busca da mãe que a abandonou quando pequena.

As três, que não se conheciam antes, se cruzam num resort de luxo no balneário mexicano de Cancún, na mesma semana em que um intenso furacão atinge a cidade.

Enquanto tentam fugir da tempestade, elas ainda presenciam o assassinato do juiz Vitório, papel de Ailton Graça, morto pela corrupta advogada Dominique, vivida por Guilhermina Guinle –e são vistas por ela e seus capangas.

O consulado brasileiro em Cancún acolhe as três moças em fuga e, depois de terem suas mortes anunciadas, elas ganham novas identidades.

O trio é então despachado para um sítio em Judas do Norte, no interior de São Paulo, sob os cuidados de Ermelinda, vivida pela atriz Grace Giannoukas, e seu filho Zezinho, papel de João Baldasserini. É lá que também vive a galinha Filipa –que é tratada por todos como se fosse um membro da família.

Se galinhas de estimação remetem às novelas da década de 1980, "Salve-se Quem Puder" também traz uma novidade tecnológica –o próprio furacão produzido pela Globo sem a ajuda de técnicos ou equipamentos de fora.

"A pré-produção começou em julho de 2019", conta o diretor artístico Fred Mayrink, que faz sua terceira novela com Daniel Ortiz. "Em outubro, nós embarcamos 50 pessoas para o México, para uma semana de filmagens. A pós-produção só terminou agora, às vésperas da estreia."

Usando drones, uma equipe sob o comando do supervisor de efeitos visuais Bruno Netto escaneou uma área de 154 hectares em Cancún, registrando cerca de 10 mil imagens. Depois, já no Rio de Janeiro, os atores foram gravados lutando contra as intempéries em uma piscina de ondas, sob chuva e vento artificiais, num parque aquático desativado.

Ao redor dessa piscina foram erguidas gigantescas telas verdes, com três metros de altura e 120 metros de comprimento. Mais tarde, foram aplicadas nelas as imagens da cidade em 3D construída virtualmente, a partir das fotografias tiradas em Cancún. O resultado é um furacão extremamente realista, que ocupa toda a primeira semana da novela.

Esses efeitos de última geração convivem com vilões bem marcados, núcleos de humor e paixões arrebatadas –ingredientes tradicionais do novelão, que títulos como "Amor de Mãe", atual atração da faixa das 21h da Globo, vêm deixando para trás.

O elenco de "Salve-se Quem Puder" também combina nomes de diversas gerações –do jovem Daniel Rangel (da série "Eu, a Vó e a Boi") à veterana Jacqueline Laurence, de volta às novelas depois de um hiato de cinco anos. 

Nomes como esses podem ser úteis para manter os índices de sua antecessora, "Bom Sucesso", que registrou a maior audiência do horário desde "Cheias de Charme", que foi ao ar em 2012.*O jornalista viajou a convite da Globo.

SALVE-SE QUEM PUDER

Quando: Estreia nesta segunda (27), às 19h

Onde: Na Globo

Receba as notícias dos famosos, novelas, BBB e outros reality shows.

O mundo das celebridades com fotos, vídeos e noticias de actores, actrizes e famosos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Fama ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório