Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Policial militar confessa assassinato de embaixador grego

Envolvidos no crimes já tiveram prisão decretada pela Justiça

Policial militar confessa assassinato
de embaixador grego
Notícias ao Minuto Brasil

08:25 - 31/12/16 por Notícias Ao Minuto

Justiça Crime Passional

O policial militar Sérgio Gomes Moreira, de 29 anos, confessou ter assassinado o embaixador da Grécia no Brasil, Kyriakos Amiridis. De acordo com o delegado da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), Evaristo Pontes Magalhães, as prisões preventivas de todos os envolvidos no caso já foram decretadas pela Justiça.

Segundo matéria do "UOL", a mulher do diplomata, Françoise de Souza Oliveira, seria a mandante do crime. Ela pagaria R$ 80 mil se o serviço fosse realizado como solicitado.

Moreira teria sido o executor e Eduardo Moreira de Melo, primo do policial militar, teria ajudado a se livrar do corpo.

Os três estão presos na DHBF de Belford Roxo, na região metropolitana do Rio de Janeiro.

A Polícia Civil acredita que trata-se de um crime passional, pois o PM e a viúva assumiram que mantinham uma relação extraconjugal, sem o conhecimento do diplomata. Françoise disse também que era agredida constantemente pelo marido.

Leia também: Polícia detém quase cem pessoas suspeitas de arrastão no Centro

Campo obrigatório