Jovem que matou ex para não ter vídeo íntimo divulgado é preso

O suspeito relatou que teve um relacionamento de seis anos com a vítima e após o término passou a ser chantageado pelo pedreiro

© Pixabay
Justiça BAHIA 06:09 - 20/06/17 POR Notícias Ao Minuto

Um jovem de 19 anos foi preso nesta segunda-feira (19) em Simões Filhos, acusado de matar o pedreiro Natelis Sousa Santana, 36 anos. David Airam Ribeiro Conceição cometeu o crime em maio, em Vila de Abrantes, e confessou o assassinato alegando que matou a vítima porque ele ameaçava mostrar para a família um vídeo dos dois mantendo relações sexuais.

PUB

Segundo informa o Correio 24 horas, o suspeito relatou que teve um relacionamento de seis anos com a vítima e após o término passou a ser chantageado pelo pedreiro.

O corpo de Natelis foi achado na tarde do dia 26 de maio, em uma casa perto do Colégio Marques, em Vilas de Abrantes, Camaçari.

David Conceição foi preso temporariamente e será encaminhado ao sistema prisional, autuado por homicídio.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

X