Meteorologia

  • 18 JULHO 2018
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Mulher mata vizinha a facadas por causa de vaga de emprego em SP

Duas irmãs da vítima também foram esfaqueadas e encaminhadas em estado grave para o hospital

Mulher mata vizinha a facadas por causa de vaga de emprego em SP
Notícias ao Minuto Brasil

15:20 - 14/01/18 por Notícias Ao Minuto

Justiça santos

Uma briga entre vizinhas terminou em tragédia, na noite desse sábado (13), em Santos, no Litoral de São Paulo. Inconformada por não ter conseguido o emprego de Érica Oliveira da Silva, 24 anos, a suspeita desferiu golpes de faca e matou a vítima. Duas irmãs da jovem ainda também foram atingidas. Ninguém foi preso até o momento.

"Ela estava desempregada e queria a vaga da minha irmã. Sempre que a Érica passava, elas se provocavam. Isso acontecia todos os dias", explicou, em entrevista ao G1, a irmã da vítima Rafaela Oliveira da Silva, acrescentando que Érica era assistente administrativa em uma empresa de concreto no bairro Monte Cabrão.

Momentos antes do crime, Érica, Rafaela e outras duas irmãs voltavam pra casa, quando foram abordadas pela autora do crime, identificada como Angélica da Cruz. "Eu não lembro o que foi que ela disse, mas sei que ela gritou algo e minha irmã começou a retrucar. Elas começaram um bate-boca e o pai, o irmão e o marido da agressora saíram para ajudar", relembrou Rafaela.

+ Homem entra por engano em favela, tem carro alvejado e é atingido

Angélica não teria sido a única suspeita do crime, disse Rafaela. Tanto o pai quanto o marido da vítima, que entregou a faca para cometer o assassinato, participaram da morte da jovem. Rafaela foi a única das quatro irmãs que não teve ferimentos. "O que queremos, agora, é justiça para todos eles, todos devem pagar. Ela não conseguiria matar a minha irmã e machucar as outras duas sozinha", desabafa Rafaela.

Daniele Alves de Oliveira, 27, com ferimentos no pulmão e intestino, e Débora Oliveira da Silva, 32, as duas irmãs que também foram atingidas, foram encaminhadas ao hospital. Érica já chegou sem vida à unidade de saúde. A Polícia Civil realiza diligências neste domingo (14) para tentar localizar Angélica.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório