Meteorologia

  • 17 OUTUBRO 2021
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Acusado de matar 42 meninos condenado a 108 anos de prisão

Considerado o maior assassino em série na história do Brasil, Francisco das Chagas Brito foi julgado pelo assassinato de 42 crianças entre os 8 e 15 anos mas esta condenação diz respeito a três assassinatos. No total ele foi condenado a 385 anos de prisão.

Acusado de matar 42 meninos condenado a 108 anos de prisão
Notícias ao Minuto Brasil

10:36 - 28/03/14 por Notícias ao Minuto Brasil

Justiça Serial Killer

O julgamento do ex-mecânico de bicletas Francisco das Chagas Brito terminou com a sua condenação a mais 108 anos de prisão, a somar aos que já tinham sido atribuídos, pelo homicídio de Raimundo Nonato da Conceição Filho, de 11 anos, Eduardo Rocha da Silva, de 10 anos e Edivam Pinta Lobato, de 12 anos.

Segundo os investigadores, o seria killer começou série de assassinatos em 1991. Nos trezes anos que se seguiram, até 2004, ele matou 42 crianças com idades entre os 8 e 15 anos sendo que 30 foram encontrados no Maranhão e 12 em Marabá. Os crimes correram o mundo no que ficaram conhecidos como os assassinatos dos meninos emasculados. O Brasil chegou até a receber uma reprovação da Organização de Estados Americano (OEA).

O último julgamento durou cerca de 18 horas a terminar e depois de ser xingado pelos parentes das vítimas em questão, os três meninos, Francisco Chagas terá tentado até agredir familiares e jornalistas no local. Os 108 anos de prisão atribuídos ao seria killer se juntam às penas já atribuídas, totalizando 385 anos e 6 meses de prisão para o maior assassino em série do país.

Campo obrigatório