Meteorologia

  • 14 NOVEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Rio Grande do Sul reforça segurança após noite com oito mortos

O balanço divulgado pelo estado foi que sete pessoas haviam morrido, no entanto, outro corpo foi encontrado na tarde desta terça-feira (19)

Rio Grande do Sul reforça segurança após noite com oito mortos
Notícias ao Minuto Brasil

21:02 - 19/06/18 por Folhapress

Justiça CHACINA

Após uma madrugada com oito mortes, a Brigada Militar e a Polícia Civil do Rio Grande do Sul reforçaram a segurança em Viamão, município na Região Metropolitana de Porto Alegre, nesta terça-feira (19). Sete das vítimas morreram a tiros em ataques ocorridos simultaneamente em três endereços, por volta da meia-noite. Na tarde desta terça, mais um corpo foi localizado a menos de 1 km da região onde ocorreram as outras mortes. A polícia ainda investiga se os crimes estão relacionados.

A secretaria de Segurança parte da hipótese de que a chacina foi consequência do recrudescimento de uma disputa territorial e do controle do tráfico de drogas por organizações criminosas da região.

De acordo com a Brigada Militar, o primeiro assassinato ocorreu dentro de uma residência na rua Guarapari, localizada na Vila Augusta.

No local, três pessoas foram mortas: Douglas da Costa Orguin, 19, Stefânia Carvalho da Silva, 20, e Greice Kelly da Mota Jorge, 28. Das três vítimas, apenas Greice tinha passagem, por tráfico de drogas.

+ Patins de Vitória Gabrielly tinham duas digitais, diz advogado

Outras três pessoas foram mortas em uma casa na rua Prof. de Freitas Cabral, no mesmo bairro - a identidade das vítimas não foi confirmada. Em outra rua próxima, Araranguá, Cláudio Roberto Gonçalves, 38, foi morto a tiros.

A Polícia Civil encaminhou cinco policiais para reforçar as investigações. Parte do efetivo do BOE (Batalhão de Operações Especiais) de Porto Alegre também foi enviado a Viamão. A delegada titular da delegacia de Homicídios de Viamão, Caroline Jacobs, disse a jornalistas que a investigação ainda não conseguiu confirmar a relação entre as mortes.

Viamão, segundo o Atlas da Violência 2018, está na 21ª posição entre as 309 localidades mais violentas do Brasil com mais de 100 mil habitantes. Com informações da Folhapress.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório