Meteorologia

  • 20 AGOSTO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Justiça manda prender médico por morte de paciente no Rio

Profissional aplicou silicone nos glúteos da paciente em uma cobertura na Barra. Após complicações, ele levou mulher para hospital, mas ela não resistiu

Justiça manda prender médico por morte de paciente no Rio
Notícias ao Minuto Brasil

09:23 - 17/07/18 por Notícias Ao Minuto

Justiça silicone

A Justiça do Rio de Janeiro determinou, nesta terça-feira (17), a prisão temporária do médico Denis Cesar Barros Furtado, de 45 anos, conhecido como "Doutor Bumbum", e de sua mãe. O profissional fez um procedimento estético em casa na bancária Lilian Quezia Calixto de Lima Jamberci, de 46 anos. Ela teve complicações e não resistiu.

Como noticiado pelo Metrópoles, a decisão foi tomada durante plantão judiciário no inquérito policial responsável por apurar a morte da bancária Lilian Calixto. O médico está foragido.

+ PF prende 13 em operação contra roubo de cargas em 6 estados

O Globo revelou que Lilian viajou de Cuiabá (MT) ao Rio de Janeiro para colocar cerca de 300ml de silicone nos glúteos. O médico realizou o procedimento na cobertura onde mora, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, na noite de sábado (14). Após verificar que a paciente enfrentava complicações, o profissional levou-a ao hospital Barra D'or.

Depois de dar entrada na unidade de saúde, Lilian piorou e teve quatro paradas cardiorespiratórias, sendo que na última não respondeu as manobras de ressuscitações. Ela morreu na madrugada de domingo (15).

Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório
Competição
Quer ganhar um
iPhone X no valor de R$ 7.799? Não, obrigado

Notícias ao Minuto
Inscreva-se agora e concorra ao
SMARTPHONE
Mais cobiçado do momento
Complete as 5 etapas para participar
Notícias ao Minuto