Meteorologia

  • 16 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Inconformado com fim de casamento, homem mata ex a facadas no Rio

O crime foi cometido na calçada da Rua Tarira, quando a vítima foi devolver a chave do imóvel no qual os dois moravam

Inconformado com fim de casamento, homem mata ex a facadas no Rio
Notícias ao Minuto Brasil

09:41 - 19/11/18 por Notícias Ao Minuto

Justiça feminicídio

Inconformado com o fim do casamento, um homem, identificado como Vanclecio Cordeiro, de 28 anos, é suspeito de matar a facadas a ex-mulher, Fernanda Siqueira, 29, no início da noite desse domingo (18), em Vicente de Carvalho, na Zona Norte do Rio. O crime foi cometido na calçada da Rua Tarira, quando a vítima foi devolver a chave do imóvel no qual os dois moravam. O suspeito fugiu e, até o momento, não foi encontrado.

"Foi na calçada, todo mundo viu. Ainda tentaram empurrá-lo, mas ele conseguiu golpear a Fernanda e foi embora logo em seguida, no carro dele", contou uma testemunha que pediu para não ser identificada. Fernanda chegou a ser socorrida por vizinhos, que a levaram para o Hospital estadual Getúlio Vargas, na Penha, Zona Norte, mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu horas depois.

+ Homem assassina ex-mulher e se mata com bebê no colo em Itapira

Procurados pelo EXTRA, amigos e familiares contaram que Vanclecio não aceitava o término do relacionamento. Os dois se casaram em março de 2015 e haviam se separado há aproximadamente três meses. Antes de ir se encontrar com o ex, Fernanda estava com a família na casa dos pais, quando o suspeito ligou para ela pedindo a chave do apartamento.

Notícias ao Minuto

"Nós passamos o domingo juntos, a ficha ainda não caiu. Após a separação, ele ficou fazendo ameaças de que ia queimar todas as coisas dela que ainda estavam na casa do casal, que ia quebrar tudo e deixá-la sem nada. Ele era muito ciumento com ela, mas nunca imaginamos que ele fosse fazer algo assim", contou a cunhada da vítima, a faturista Myriane Pedreira.

No mesmo hospital para onde Fernanda foi levada, o pai dela, Walter Siqueira, chegou a passar mal na unidade de saúde e teve de ser medicado. Horas depois, ele foi com os outros dois filhos na Delegacia de Homicídios (DH) na madrugada desta segunda-feira (19). Relatos indicam que o suspeito, que tinha bebido nesse domingo antes de assassinar a ex, bateu com o carro e fugiu a pé. A polícia fez rondas pelas redondezas.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório