Meteorologia

  • 24 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Homem simula própria morte com ketchup e é achado dormindo no RS

O enfermeiro pode responder por falsa comunicação de crime e furto de veículo

Homem simula própria morte com ketchup e é achado dormindo no RS
Notícias ao Minuto Brasil

06:26 - 16/01/19 por Notícias Ao Minuto

Justiça simulação de crime

Um homem simulou a própria morte e o furto de um veículo em Novo Hamburgo (RS), no último domingo (13). O enfermeiro afirmou ter tido o carro furtado no estacionamento do hospital municipal em que trabalha. Ele chegou a registrar ocorrência e enviou fotos aos amigos simulando ter sido assassinado. De acordo com o UOL, o homem usou 'ketchup' para fingir os ferimentos.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil de Novo Hamburgo (RS).

Amigos de profissão do enfermeiro comunicaram aos agentes que o colega havia feito contato contando sobre o furto e que depois eles teriam recebidos imagens enviadas do celular do enfermeiro em que ele aparecia supostamente baleado e morto.

Sargento da PM flagrado agredindo mulher em farmácia é afastado

A família do homem também afirma que recebeu ligações de pessoas dizendo que devolveriam o carro se fossem pagos valores entre R$ 2 mil e R$ 3 mil.

A polícia fez buscas na casa da mãe da suposta vítima, em Esteio (RS), e encontrou o homem dormindo.

A delegada que investiga o caso, Michele Arigony, substituta da 1ª Delegacia da Polícia Civil de Novo Hamburgo, disse que o homem alegou que resolveu fazer uma "brincadeira", não esperava que o fato tomasse grande proporção e que o conteúdo viralizasse. Porém, ele nega que tenha planejado o furto do veículo.

Segundo o UOL, o carro do enfermeiro supostamente furtado foi localizado no bairro Operário, em Novo Hamburgo na segunda-feira. A Polícia Civil procura por imagens das câmeras do estacionamento do Hospital Municipal para investigar o que aconteceu com o veículo.

O enfermeiro pode responder por falsa comunicação de crime e furto de veículo, crime com pena prevista de 1 a 6 anos.

Campo obrigatório