Meteorologia

  • 23 JANEIRO 2021
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Pós-Covid: Maioria dos pulmões recupera bem, conclui estudo

O tecido pulmonar de pacientes que sofreram de Covid-19 grave tem boa recuperação na maioria dos casos

Pós-Covid: Maioria dos pulmões recupera bem, conclui estudo
Notícias ao Minuto Brasil

07:09 - 27/11/20 por Notícias Ao Minuto Brasil

Lifestyle Covid-19

O tecido pulmonar de pacientes que sofreram deCovid-19 grave mostra uma boarecuperaçãona maioria dos casos. Estes são os resultados de umnovo estudo, realizado por investigadores da Universidade deRadboud, na Holanda, e publicado no Clinical Infectious Diseases.

A investigação, liderada pelo pneumologista Bram van den Borst, incluiu a observação de 124 pacientes que se recuperaram de infeções agudas causadas pelo novocoronavírus. Após três meses, verificou-se que os danosforam, geralmente, limitados e mais frequentemente observados em pacientes que foram tratados nos cuidados intensivos.

Para chegar a esta conclusão, os pacientes foram divididos em três grupos: um grupo de internados nos cuidados intensivos, outro de internados na enfermaria no hospital e, por fim, um grupo com pacientes que puderam ficar em casa, mas apresentaram sintomas persistentes.

Após três meses, as queixas mais comuns sãofadiga,falta de are dores no peito. Muitas pessoas aindaverificam limitaçõesna sua vida diária, bem como uma diminuição da qualidade de vida. "Os padrões que vemos nesses pacientes mostram semelhanças com a recuperação após uma pneumonia grave ou síndrome da angústia respiratória aguda, na qual o fluido se acumula nos pulmões", explica van den Borst. "A recuperação dessas condições leva muito tempo". Para ele, é animador ver que os pulmões apresentam recuperação após terem sido infectados peloSars-CoV-2.

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório