Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Detalhes que 'estranhamente' podem afetar a libido

Há várias coisas que podem discretamente interferir no seu desejo e performance sexual

Detalhes que 'estranhamente' podem afetar a libido
Notícias ao Minuto Brasil

09:14 - 10/02/16 por Notícias ao Minuto Brasil

Lifestyle Sexo

Depois da paixão inicial ter passado, manter a libido pode ser um delicado balanço entre a saúde e o desejo e há inúmeras coisas cotidianas e aparentemente insignificantes que também podem interferir.

O site Good Health analisou alguns dos mais ‘estranhos’ culpados pela libido em baixo.

Não conseguir cheirar.

Um estudo da Universidade de Gothenburg descobriu que os homens que não conseguiam sentir cheiros tinham menos parceiros sexuais do que os que tinham funções nasais normais, e as mulheres que não conseguiam cheirar sentiam menos segurança nos seus relacionamentos. A psicóloga Dr.Ilona Croy explica que “muitos dos sinais sociais são transportados pelo canal do olfato”.

Estar de dieta.

Perder peso rapidamente põe o corpo sob stress, o que pode despoletar a libertação de uma hormona chamada prolactina, um poderoso supressor da libido.

Usar saltos altos.

Podem parecer sexy, mas os saltos altos podem tornar o sexo menos agradável para algumas mulheres. O ginecologista Dr. Eden Fromberg explica que os sapatos de salto alto fazem com que o corpo se incline ligeiramente para a frente, forçando os músculos responsáveis pela postura a contrair-se para o corpo manter uma postura direita. Se os músculos da zona pélvica estiverem sempre contraídos, a mulher pode ter mais dificuldade em atingir o orgasmo.

Ter um trabalho de secretária.

Ter um trabalho sedentário que obriga a mulher a estar sempre sentada também poderá tornar os músculos pélvicos menos sensíveis, tornando o orgasmo mais difícil de atingir.

Ter televisão no quarto.

Um estudo italiano sugere que as pessoas com televisão no quarto têm, em média, 50% menos sexo que os casais que não têm televisão na mesma divisão.

Excesso de gordura corporal.

A gordura corporal, resultado de uma dieta desequilibrada e rica em açúcar e gordura, pode aumentar os níveis de estrogênio, reduzindo o efeito da testosterona em mulheres e homens. Quanto mais gordura corporal tiver, menor será a libido.

Pés frios.

Um estudo holandês sugere que as mulheres precisam de ter os pés quentes para chegar ao orgasmo. Os investigadores sugerem que usar meias pode ajudar a mulher a manter a temperatura corporal e a alcançar o relaxamento necessário para chegar ao orgasmo.

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório