Meteorologia

  • 22 NOVEMBRO 2017
Tempo
10º
MIN 10º MÁX 10º

Edição

Sal marinho está contaminado com plástico, aponta pesquisa

Microplástico está se tornando onipresente no meio ambiente e já atinge o topo da cadeia alimentar

Sal marinho está contaminado com plástico, aponta pesquisa
Notícias ao Minuto Brasil

09:01 - 16/09/17 por Notícias Ao Minuto

Lifestyle lixo nos oceanos

O sal marinho pode parecer inofensivo mas está contaminado pela poluição do plástico. A desoberta foi divulgada em um estudo no jornal britânico “The Guardian”. A má notícia é de que o microplástico está se tornando onipresente no meio ambiente e já atinge o topo da cadeia alimentar.

Na semana passada, uma pesquisa também revelou que fibras de plástico invisíveis estão presentes não apenas nos oceanos, mas também na água potável usada por milhões de pessoas.

Como refere o UOL, cientistas acreditam que a maioria da contaminação ocorre devido ao desperdício de plástico por meio de garrafas e roupas. Todo o ano, mais de 12.7 milhões de toneladas de plástico são despejadas no oceano. “O plástico está no ar, na água, nos frutos do mar que nós comemos, na bebida, no sal que usamos --ele está por toda parte”, disse Sherri Mason, professora da Universidade Estadual de Nova York, que liderou a última pesquisa sobre a contaminação do sal pelo plástico.

+ Crise econômica, desemprego e preconceito aumentam o risco de suicídio

O estudo analisou o microplástico no sal, nas bebidas e na água potável. Foram avaliados 12 diferentes tipos de sais (incluindo 10 marinhos) comprados em lojas ao redor do mundo.

De acordo com o resultado, os americanos podem estar ingerindo 660 partículas de plástico por ano. O aceitável é 2,3 gramas de sal por dia. No entanto, o consumo estimado é bem maior.

Ainda não se tem informações precisas sobre o impacto da ingestão de plástico na saúde. A pesquisa desenvolvida por cientistas quer identificar o impacto do material no corpo humano, porém, ainda não foi encontrado um grupo de humanos que não foi exposto, para fazer a comparação.

Sherri afirma que a notícia assusta as pessoas e espera que o estudo ajude a mudar a forma como as pessoas refletem sobre o lixo. “Eu espero que isso não faça apenas os consumidores trocarem de marcas de sal, mas que mude a forma em que pensamos sobre o lixo”, disse em entrevista ao The Guardian.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Receba dicas para uma vida melhor!

Moda e Beleza, Férias, Viagens, Hotéis e Restaurantes, Emprego, Espiritualidade, Relações e Sexo, Saúde e Perda de Peso

Obrigado por ter ativado as notificações de Lifestyle ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Brasil Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório