Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

EUA expressa confiança nas instituições brasileiras

Washington está ciente de que o ex-Presidente Lula "foi libertado da prisão após uma decisão do Supremo Tribunal Federal" em 07 de novembro

EUA expressa confiança nas instituições brasileiras
Notícias ao Minuto Brasil

15:45 - 09/11/19 por Notícias Ao Minuto

Mundo EUA

Os Estados Unidos expressaram hoje confiança nas instituições democráticas do Brasil, após a libertação do ex-Presidente brasileiro Inácio Lula da Silva, que esteve preso durante 580 dias.

"Temos confiança nas instituições democráticas do Brasil", assinalou o Departamento de Estado norte-americano numa declaração citada pela agência de notícias Efe.

Washington está ciente de que o ex-Presidente Lula "foi libertado da prisão após uma decisão do Supremo Tribunal Federal" em 07 de novembro, afirma a mesma fonte, que descreveu a situação como "um assunto interno" do país sul-americano.

Lula da Silva, de 74 anos, que governou o Brasil entre 2003 e 2010, saiu na sexta-feira em liberdade após o Supremo Tribunal Federal brasileiro (STF) ter decidido anular prisões em segunda instância, como era o caso do antigo chefe de Estado, preso desde abril de 2018.

O ex-Presidente deixou a sede da Polícia Federal de Curitiba, no Estado do Paraná, sul do Brasil, pelas 17:40 locais (mais três horas em Lisboa), rodeado por uma multidão que envergava cartazes e faixas com as frases "Lula Livre", "Lula é inocente", tendo sido lançado fogo de artificio.

O histórico líder do PT foi preso após ter sido condenado em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4), num processo sobre a posse de um apartamento, que os procuradores alegam ter-lhe sido dado como suborno em troca de vantagens em contratos com a estatal petrolífera Petrobras pela construtora OAS.

Leia Também: 580 dias depois, Lula volta a ser livre: "Saio com vontade de lutar"

Campo obrigatório