Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Covid-19: Morre ex-candidato à presidência do EUA, tinha 74 anos

Um antigo candidato republicano à Casa Branca, Herman Cain, de 74 anos, que tinha participado em junho sem máscara de proteção num comício eleitoral de Donald Trump, morreu devido à covid-19

Covid-19: Morre ex-candidato à presidência do EUA, tinha 74 anos
Notícias ao Minuto Brasil

06:29 - 31/07/20 por Lusa

Mundo Covid-19

"Herman Cain, nosso patrão, nosso amigo, que era como um pai para muitos de nós, morreu", indicou o redator do seu site na internet, Dan Calabrese.

Conhecido por se ter se apresentado como candidato à nomeação pelo Partido Republicano para a eleição presidencial de 2012, Herman Cain tinha sido hospitalizado no início de julho após ter testado positivo ao novo coronavírus, menos de 10 dias depois de ter estado num comício de Trump em Tulsa, no estado do Oklahoma, onde foi fotografado no meio dos participantes, sem máscara.

Em mensagem anterior, o redator do site Hermancain.com destacou que não estava provado que tivesse sido contaminado em Tulsa: "É impossível saber com certeza como e onde Cain contraiu o coronaíirus".

Co-presidente do movimento 'Vozes negras por Trump' e conservador próximo do movimento anti-impostos Tea Party, Herman Cain nasceu em dezembro de 1945 no estado do Tennessee de um pai motorista e mãe empregada de limpeza.

Cain dirigiu uma cadeia de 'pizzarias' nos anos 1980 (Godfather's Pizza) e foi diretor do banco do Sistema da Reserva Federal (Fed) em Kansas City no início dos anos 1990.

Em 2012, chegou a animar as primárias republicanas pela sua espontaneidade, mas a sua candidatura foi inviabilizada por acusações de assédio sexual.

Trump, Presidente dos EUA procurou em 2019 nomeá-lo para um posto de governador da Fed, mas vários senadores republicanos anunciaram a intenção de bloquear a nomeação.

Herman Cain era casado e pai de dois filhos.

Campo obrigatório