Meteorologia

  • 19 AGOSTO 2022
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

G7 promete investir US$ 4,5 bi para combater fome causada por Guerra da Ucrânia

O G7 reiteraram o pedido para que Moscou permita o escoamento de grãos armazenados em portos ucranianos no mar Negro e encerre ataques à infraestrutura agrícola da Ucrânia

G7 promete investir US$ 4,5 bi para combater fome causada por Guerra da Ucrânia
Notícias ao Minuto Brasil

12:00 - 28/06/22 por Folhapress

Mundo Cúpula

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Líderes do G7, o grupo das sete maiores economias do mundo, comprometeram-se nesta terça (28) a investir US$ 4,5 bilhões (R$ 23,5 bi) para atenuar a insegurança alimentar global acelerada na Guerra da Ucrânia.

Em um comunicado conjunto, eles reiteraram o pedido para que Moscou permita o escoamento de grãos armazenados em portos ucranianos no mar Negro e encerre ataques à infraestrutura agrícola da nação vizinha.

"A agressão de [Vladimir] Putin na Ucrânia, combinada com os impactos da Covid, devasta a já frágil segurança alimentar e nutricional global", disse a Casa Branca em uma nota sobre o assunto. "Milhões de pessoas que vivem longe do conflito enfrentam um risco aumentado de pobreza, fome e desnutrição como resultado da guerra de Putin."
Dos EUA, vem a maior parte do montante a ser investido -ao menos US$ 2,7 bilhões (R$ 14,1 bi).

Relatório recente do Programa Mundial de Alimentos da ONU estimou que a guerra pode empurrar mais 47 milhões de pessoas para a insegurança alimentar aguda, elevando o número total no mundo para 323 milhões.

Campo obrigatório