Meteorologia

  • 28 MAIO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Casal é condenado por abusar sexualmente da própria filha por 15 anos

Dos 5 aos 19 anos, a jovem também foi cruelmente torturada

Casal é condenado por abusar 
sexualmente da própria filha por 15 anos
Notícias ao Minuto Brasil

17:24 - 28/10/16 por Notícias Ao Minuto

Mundo Austrália

Na Austrália, um casal foi apreso acusado de torturar e abusar sexualmente da filha por 15 anos. De acordo com o jornal britânico "Mirror", a vítima foi violentada pelos próprios pais dos cinco aos 19 anos de idade.

Segundo o portal iG, o pai, de 59 anos, usava diversos instrumentos para realizar os abusos. Grande parte da violência física e psicológica foi realizada em um galpão em ruínas na propriedade da família, na zona rural de Nova Gales do Sul, onde ela era deixada por até três dias seguidos. Já a mãe da garota a ensinou como despertar seu pai sexualmente quando ela tinha apenas oito anos.

As torturas incluíam manter a menina com a cabeça embaixo da água de um córrego, envolvê-la em arame farpado, forçá-la a comer pimentas e ameaças com uma motosserra.

Os crimes só foram descobertos quando a vítima, agora com 21 anos, denunciou o casal em 2011, quando ela estava em um hospital psiquiátrico.

Em junho deste ano, o homem foi condenado a 48 anos de prisão por 73 crimes em um Tribunal Distrital de Sydney. Ele poderá pedir liberdade condicional após cumprir 36 anos da pena. A mãe da menina, que está com 51 anos, foi condenada por mais 13 acusações, incluindo atentado ao pudor, e cumprirá 16 anos de prisão, com um período não-condicional de 11 anos.

Leia também: Ex-Miss Finlândia acusa Donald Trump de assédio sexual

Campo obrigatório