Partidos da Coreia do Sul votam impeachment no dia 9

Mesmo depois de ter oferecido se renunciar, a presidente da Coreia do Sul, Park Geun-hye vai ter que enfrentar uma votação pelo seu impeachment

© Reuters
Mundo destituição Há 16 Horas POR Notícias Ao Minuto

Parlamentares se recusaram a aceitar a renúncia de Park Geun-hye e devem votar pelo seu impedimento político já na próxima semana.

PUB

Mesmo depois de ter oferecido se renunciar, a presidente da Coreia do Sul, Park Geun-hye vai ter que enfrentar uma votação pelo seu impeachment.

Novos partidos oposicionistas concordaram em propor acusação à presidente, baseado no escândalo de tráfico de influências que acometeu seu gabinete. Os protestos pela saída da presidente começaram quando investigações provaram que a amiga da presidente Choi Soon-sil teria se aproveitado da proximidade com Park para ingerir em políticas de Estado, mesmo sem ocupar nenhum cargo público.

O pano de fundo da história envolve conchavos e até acusações de bruxaria. Segundo o porta-voz da oposição, Ki Dong-min, a moção pelo impedimento da presidente deve ser votada na sexta (9). Os três partidos oposicionistas, com 165 assentos dos 300, vão precisar convencer alguns membros do partido governista Saenuri para obter a maioria de dois terços exigida pela Constituição do país e concluir o processo.

O feito, porém, não deve ser complicado. Nesta semana, uma parte dos deputados do Saenuri disse que tinha conseguido recolher o número de votos necessário para iniciar o impeachment de Park Geun-hye.

Com informações do Sputnik Brasil. 

Leia também: Trump confirma General como secretário de defesa

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

X