Meteorologia

  • 22 SETEMBRO 2017
Tempo
12º
MIN 12º MÁX 12º

Edição

Justiça russa confirma proibição de Testemunhas de Jeová no país

Para o ministério da Justiça da Rússia, Testemunhas de Jeová são 'uma ameaça para os direitos das pessoas, da ordem pública e da segurança pública'

Justiça russa confirma proibição de 
Testemunhas de Jeová no país
Notícias ao Minuto Brasil

15:59 - 17/07/17 por Notícias Ao Minuto

Mundo polêmica

O Supremo Tribunal russo confirmou nesta segunda-feira (17) a sua decisão de proibir a atuação de Testemunhas de Jeová no país. A organização, considerada "extremista" na Rússia, havia sido proibida anteriormente e entrou com recurso contra a decisão.

Para o ministério da Justiça russo, as Testemunhas de Jeová são "uma ameaça para os direitos das pessoas, da ordem pública e da segurança pública".

+ Turistas brasileiros relatam caos em aeroporto de Bariloche

A decisão anunciada em 20 de abril deste ano estaria gerando uma onda de discriminação contra a entidade e seus seguidores, que passaram a ser considerados extremistas. O advogado dos Testemunhas de Jeová, Viktor Zhenkov, contou à "Sputnik" que as "testemunhas" têm enfrentado problemas na vida cotidiana, alguns foram despedidos.

O advogado assegurou que "ainda não é o fim". "Vamos apelar da decisão diante da Corte Europeia de Direitos Humanos" (CEDH), adiantou.

"Mesmo esperando uma decisão negativa, é de toda forma decepcionante", desabafou o porta-voz internacional das Testemunhas de Jeová, David. A. Semonian, à "AFP".

Campo obrigatório