Meteorologia

  • 19 AGOSTO 2017
Tempo
22º
MIN 22º MÁX 22º

Edição

Somaliano é preso ao pedir asilo na Itália por ser pirata

Ele é acusado de participar do sequestro do navio Savina Caylyn

Somaliano é preso ao pedir asilo na Itália por ser pirata
Notícias ao Minuto Brasil

20:44 - 13/08/17 por ANSA

Mundo 24 anos

Um somaliano de 24 anos foi preso neste sábado (13) em Caltanissetta, na Sicília, após pedir asilo ao governo italiano. Mohamed Farah é acusado de ser um pirata, membro de um grupo responsável por sequestros de navios no Oceano Índico.   

O homem foi identificado por suas impressões digitais depois que apresentou o pedido de reconhecimento do status de refugiado. O documento garante a possibilidade de permanência no país europeu. No entanto, agentes da Divisão de Operações Especiais identificaram o homem, que foi preso.   

+ Primárias na Argentina: Kirchner fica em casa, Macri vota pela manhã

Farah é acusado de participar de uma operação que sequestrou o navio petroleiro italiano "Savina Caylyn" em 2011, junto com uma quadrilha de mais de 50 piratas somalianos. De acordo com os procuradores italianos, o sequestro foi realizado para financiar o grupo terrorista islâmico somaliano AL-Shabab. (ANSA)

Foto de arquivo

Campo obrigatório