Meteorologia

  • 13 DEZEMBRO 2017
Tempo
10º
MIN 10º MÁX 10º

Edição

'Carniceiro da Bósnia' é condenado a prisão perpétua

Ratko Mladic foi sentenciado pelo Tribunal Penal Internacional, da ONU, por crimes de guerra

'Carniceiro da Bósnia' é condenado a prisão perpétua
Notícias ao Minuto Brasil

10:10 - 22/11/17 por Notícias Ao Minuto

Mundo Haia

Ex-general dos sérvios da Bósnia, Ratko Mladic foi condenado, nesta quarta-feira (22), à prisão perpétua pelo Tribunal Penal Internacional (TPI), corte da Organização das Nações Unidas (ONU) para investigar crimes de guerra. Antes de receber a sentença, Mladic foi retirado do julgamento, realizado em Haia, por ter surtado e ameaçado juízes.

"Eles mentem, vocês mentem. Não me sinto bem", gritou Mladic, segundo o G1. O ex-líder militar foi considerado culpado de dez das 11 acusações, incluindo o cerco a Sarajevo, que durou sete meses e teria provocado a morte de dez mil civis.

+ ONU: segunda onda de refugiados pode varrer a Europa em breve

Outro crime atribuído a Mladic foi o massacre de Srebrenica, quando oito mil homens e meninos foram mortos por militares. Ambos são considerados os dois dos maiores crimes da Guerra da Bósnia (1992-1995) e renderam ao ex-militar, hoje com 74 anos, o apelido de "carniceiro da Bósnia".

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório