Meteorologia

  • 03 JULHO 2020
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Familiares querem ser assistentes na investigação sobre submarino

Oito famílias dos 44 tripulantes do ARA San Juan solicitaram à Justiça para serem assistentes no processo que investiga o seu desaparecimento

Familiares querem ser assistentes na investigação sobre submarino

Luis Tagliapietra, pai de Alejandro Damián, tenente no submarino, de 27 anos, foi nesta quarta-feira (29) à cidade do sul de Caleta Olivia, onde o tribunal federal encarregado do caso está localizado, para se encontrar com a juíza Marta Yáñez, chefe do mesmo.

"O encontro é confidencial, devemos respeitar a situação em que estão os parentes. Ele apresentou a proposta de se tornar um assistente, o que vamos avaliar na quinta-feira", explicou a magistrada.

+ Sobe para 58 número de mortes causados pelo furacão Maria

Marta Yáñez explicou que são oito as famílias que querem ser assistentes no processo, algo que vai ter que ser avaliado, antes de se aceitar a proposta.

Com 44 tripulantes a bordo, o submarino informou sobre a sua localização e comunicou, pela última vez, com a sua base no Mar da Prata há duas semanas.  e, segundo a investigação, poucas horas depois ocorreu uma "explosão", que até agora não se confirmou se ocorreu no submarino.

As buscas ainda não deram qualquer resultado, apesar de terem sido mobilizados meios aéreos, navais e logísticos de 13 países. Com informações da Lusa.

Campo obrigatório