Meteorologia

  • 23 JANEIRO 2018
Tempo
10º
MIN 10º MÁX 10º

Edição

Alemanha teme chegada de refugiados com planos de reforma na UE

O Parlamento Europeu pretende introduzir alterações ao chamado Regulamento de Dublin, que pode resultar em um crescente fluxo de migrantes para a Alemanha

Alemanha teme chegada de refugiados com planos de reforma na UE
Notícias ao Minuto Brasil

19:08 - 13/01/18 por Notícias Ao Minuto

Mundo regulamentação

As autoridades alemãs estão preocupadas com o fato de o país ter de aceitar muitos refugiados em meio a novos regulamentos que podem ser adotados em breve pela União Europeia.

O Parlamento Europeu pretende introduzir alterações ao chamado Regulamento de Dublin, que pode resultar em um crescente fluxo de migrantes para a Alemanha, informou a revista alemã Der Spiegel.

O Regulamento de Dublin prevê que os requerentes de asilo devem se inscrever no primeiro estado da UE em que chegam, sendo o país responsável por processar o pedido. No entanto, se as alterações propostas forem aprovadas, a responsabilidade pelo processo de asilo poderá ser transferida para onde vivem os parentes do candidato. 

Como resultado, "a Alemanha teria que acomodar significativamente mais requerentes de asilo", disse uma nota do Ministério do Interior, acrescentando que quaisquer restrições aos refugiados seriam "anuladas".

+ Defensores de Trump protestam contra prefeito de Londres em evento

O Parlamento Europeu lançou em novembro as suas propostas para reformar o Regulamento de Dublin e outras disposições da UE. Agora, a legislação deve ser aprovada pelo Conselho Europeu, que consiste nos chefes dos Estados-membros da UE.

A Alemanha tem lutado para gerir uma enorme crise de refugiados, que se intensificou em 2015, com centenas de milhares de migrantes que procuram asilo nos Estados-membros da UE. Em 2017, o número de pedidos de asilo diminuiu significativamente em relação aos anos anteriores. De acordo com o Ministério do Interior, cerca de 187 mil pessoas solicitaram asilo na Alemanha nos primeiros 10 meses de 2017. No mesmo período do ano passado, havia cerca de 694 mil pedidos desse tipo. Com informações do Sputnik Brasil.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório