Meteorologia

  • 23 FEVEREIRO 2018
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Mais dois nigerianos presos por desmembramento de jovem

Suspeitos respondem por homicídio e ocultação de cadáver

Mais dois nigerianos presos por desmembramento de jovem
Notícias ao Minuto Brasil

18:11 - 14/02/18 por Notícias Ao Minuto

Mundo Itália

A Justiça da Itália determinou nesta quarta-feira (14) a prisão de mais dois nigerianos suspeitos de envolvimento na morte de Pamela Mastropietro, jovem de 18 anos cujo corpo foi encontrado desmembrado em Pollenza, no centro do país.   

+Refugiados e crise na Venezuela disputam World Press Photo

Desmond Lucky, 22 anos, e Lucky Awelima, 27, se juntam a Innocent Oseghale, que já havia sido detido. Lucky, acusado de tráfico de drogas, nega ter estado na casa onde vivia Oseghale, tido pelos investigadores como local do crime.   

Segundo a polícia, ele forneceu uma dose de heroína a Mastropietro em 30 de janeiro, na residência de Oseghale. Ela era viciada em drogas e havia acabado de deixar uma clínica de reabilitação. Ainda não se sabe o que aconteceu em seguida, até o corpo da vítima ser encontrado em duas malas jogadas na beira de uma estrada.   

Os três nigerianos são investigados por homicídio, vilipêndio e ocultação de cadáver. No entanto, os investigadores não conseguiram descobrir se Mastropietro foi assassinada ou morreu de overdose.    Um quarto nigeriano também é investigado, por supostamente ter colaborado para o crime, mas é mantido em liberdade.

O caso Mastropietro provocou comoção em toda a Itália e motivou um atentado do militante de extrema direita Luca Traini, que disparou contra seis imigrantes negros em Macerata. Nenhum deles tinha relação com a vítima ou os acusados. A morte da jovem de 18 anos também dominou o debate para as eleições legislativas de março nas últimas duas semanas. Com infornações da Ansa. 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório