Meteorologia

  • 17 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

'Bolsonaro diz coisas extremamente desagradáveis', critica Le Pen

Líder da extrema direita na França tomou distância do candidato

'Bolsonaro diz coisas extremamente desagradáveis', critica Le Pen
Notícias ao Minuto Brasil

09:57 - 11/10/18 por Ansa

Mundo declaração

A líder da extrema direita na França, Marine Le Pen, criticou nesta quinta-feira (11) o candidato à Presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, afirmando que ele diz coisas "extremamente desagradáveis".

A declaração foi dada em entrevista ao canal "France 2", na qual Le Pen foi convidada a opinar sobre a ascensão do capitão reformado na política brasileira.

A presidente do partido Reunião Nacional (RN) reconheceu que a "criminalidade endêmica" catapultou Bolsonaro e que sua votação é uma "reação" da população à "insegurança", mas criticou suas declarações sobre homossexuais e mulheres.

+ Furacão Michael é rebaixado a tempestade tropical após devastar Flórida

"Certamente ele tem dito coisas que são extremamente desagradáveis, que não podem ser transferidas para nosso país, é uma cultura diferente", afirmou Le Pen. "De qualquer maneira, a partir do momento em que alguém diz coisas desagradáveis, ele passa a ser de extrema direita na imprensa francesa. Eu não vejo Bolsonaro como um candidato de extrema direita", reforçou.

No entanto, ela ressaltou que os povos têm "diferentes histórias e culturas". "Ainda estamos tentando julgar o que está acontecendo no exterior com base em nossa própria cultura e em nossa própria história?", questionou.

Com uma plataforma anti-imigração e contra a União Europeia, Le Pen chegou ao segundo turno das eleições presidenciais na França em 2017, mas acabou derrotada pelo centrista liberal Emmanuel Macron, por um placar de 66,1% a 33,9%. (ANSA)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório