Meteorologia

  • 19 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Bolívia e México mantêm apoio a Nicolás Maduro

Deputado Juan Guaidó se proclamou novo presidente interino do país, nesta quarta-feira (23)

Bolívia e México mantêm apoio a Nicolás Maduro

Bolívia e México são os únicos países, até o momento, a declarar publicamente apoio ao venezuelano Nicolás Maduro nesta quarta-feira (23), dia em que o deputado Juan Guaidó se proclamou novo presidente do país.

"A nossa solidariedade ao povo venezuelano e ao irmão Nicolás Maduro, que neste momento vive horas decisivas, nas quais as garras do imperialismo tentam ferir a democracia e a autodeterminação dos povos. Não seremos nunca mais um jardim dos Estados Unidos", escreveu o boliviano Evo Morales no Twitter.

Já Jesus Ramirez, porta-voz do presidente mexicano, Lopez Obrador, disse que "por ora, não há nenhuma mudança de posição em relação à Venezuela: o México continua reconhecendo Nicolás Maduro como presidente do país". Os EUA, o Brasil, a Argentina, o Paraguai, o Chile e o Canadá já declararam reconhecer Guaidó como novo presidente interino da Venezuela. (ANSA)

Leia também:

Maduro diz que não se rende: 'Vamos ao combate'

União Europeia sinaliza apoio a Guaidó: 'Ele tem legitimidade'

Saiba quem é Juan Guaidó, principal nome da oposição na Venezuela

Trump reconhece Guaidó como novo presidente da Venezuela

Mourão descarta chance de intervenção armada do Brasil na Venezuela

Brasil reconhece chefe do legislativo como presidente da Venezuela

Campo obrigatório