Meteorologia

  • 20 MARçO 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Ciclone provoca ao menos 19 mortos em Moçambique

Outras 70 pessoas estão feridas. Número de desalojados ainda é indeterminado

Ciclone provoca ao menos 19 mortos em Moçambique
Notícias ao Minuto Brasil

20:53 - 15/03/19 por Notícias Ao Minuto

Mundo Idai

O ciclone Idai provocou pelo menos 19 mortes e deixou 70 feridos desde a noite de quinta-feira (14) na província central de Sofala, em Moçambique, segundo um balanço preliminar divulgado nesta sexta-feira (15) pelas autoridades locais.

Um total de 13 vítimas mortais foram registradas na cidade da Beira, uma das maiores do país, e outras seis no distrito limítrofe de Dondo, segundo informação do governo provincial, citadas por órgãos de comunicação estatais.

As mortes foram causadas pelo desabamento de casas precárias e outras estruturas e por afogamento.

A recolha de informação por parte das equipas de socorro no terreno tem sido dificultada pelas falhas de energia e comunicações.

Antes da chegada do ciclone Idai, entre os dias 6 e 13 de março, uma tempestade que atingiu o centro e o norte do país já tinha feito 15 mortos, segundo as Nações Unidas.

+ Manifesto de atirador cita Brasil e faz referências a nacionalismo

As casas precárias que se proliferam pela região são as mais danificadas, causando um número ainda indeterminado de desalojados.

Além de perder as casas, muitas famílias podem vir a enfrentar dificuldades para obter alimentos devido à destruição das suas hortas e campos de cultivo, alerta o Escritório das Nações Unidas para a Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA, sigla em inglês).

Há diversos postos de saúde e escolas danificados, estradas cortadas e postes de eletricidade tombados.

Equipes de socorro das autoridades moçambicanas com o apoio de diversos parceiros, incluindo ajuda internacional, estão em prontidão para avançar para o terreno logo que as condições meteorológicas melhorem, o que deve acontecer neste sábado (16), disseram fontes de diferentes organizações à Lusa. Com informações da Lusa.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório