Meteorologia

  • 22 ABRIL 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Suspeito de ataque na Holanda será indiciado por terrorismo

Gökmen Tanis teria matado três pessoas ao abrir fogo dentro de bonde em Utrecht

Suspeito de ataque na Holanda será indiciado por terrorismo
Notícias ao Minuto Brasil

11:07 - 21/03/19 por Ansa

Mundo Tiroteio

A Procuradoria da Holanda anunciou nesta quinta-feira (21) que irá processar o principal suspeito do ataque a tiros de Utrecht, que deixou três pessoas mortas na última segunda-feira (18), por homicídio e terrorismo.

Em nota, as autoridades também afirmaram que o cidadão de origem turca Gökmen Tanis, de 37 anos, comparecerá amanhã (22) perante um juiz de instrução para responder as acusações por "múltiplo assassinato" com fins terroristas. O tiroteio dentro de um bonde em um bairro residencial da cidade holandesa vitimou uma mulher de 19 anos e dois homens, de 28 e 49.

+ Chefe de gabinete de Guaidó e deputado da oposição são detidos

Além deles, três pessoas ficaram gravemente feridas. Tanis chegou a fugir, mas a polícia conseguiu prendê-lo depois de realizar diversas operações em prédios e residências próximas ao local do atentado. Apesar dos rumores de que ele sofre de problemas psicológicos, o Ministério Público da Holanda considera a hipótese de terrorismo, sobretudo em função de um bilhete encontrado no carro usado pelo atirador.

Os responsáveis pelo caso adiantaram que o atirador será alvo de uma avaliação psicológica em breve. Segundo a procuradoria, o inquérito deve determinar se "o acusado agiu sozinho por um motivo terrorista ou se os seus atos tiveram por base problemas pessoais associados a ideias radicais".

Além disso, o comunicado ainda informa que as autoridades vão manter os interrogatórios de um segundo suspeito, um homem de 40 anos preso um dia depois do crime, para "determinar se ele desempenhou um papel de apoio". (ANSA)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório