Meteorologia

  • 18 ABRIL 2019
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Macron e Xi apoiam multilateralismo e pedem cooperação da UE

Presidente da China realiza visita oficial no território francês

Macron e Xi apoiam multilateralismo e pedem cooperação da UE
Notícias ao Minuto Brasil

19:56 - 25/03/19 por Ansa

Mundo encontro

O presidente da França, Emmanuel Macron, se reuniu nesta segunda-feira (25) com seu homólogo chinês, Xi Jinping, e ambos os líderes defenderam uma maior cooperação entre a China e a União Europeia. Durante o encontro, os dois políticos também apelaram ao "forte multilateralismo" para fortalecer a parceria estratégica. Antes disso, Xi e Macron participaram de uma cerimônia militar no monumento ao Soldado Desconhecido, no Arco do Triunfo.

Em discurso no Palácio do Eliseu, Macron defendeu uma "forte parceria Europa-China", ressaltando que isso deve ser baseado no "multilateralismo forte" e no comércio "justo e equilibrado".

Em comunicado à imprensa, o presidente chinês, por sua vez, afirmou que "uma Europa unida e próspera se ajusta à nossa visão de um mundo multipolar". "A China sempre apoiará a integração europeia e seu desenvolvimento".

+ Com Charles, família real faz primeira visita oficial a Cuba

+ Maduro diz que assessor de Guaidó faz parte de célula terrorista

Ainda nesta noite, Xi e Macron participarão de uma jantar de Estado com mais 200 convidados. Na agenda desta terça-feira (26) está programado um encontro entre os dois líderes, a chanceler alemã, Angela Merkel, e o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker. "Tudo estará sobre a mesa", disse Margaritis Schinas, porta-voz da Comissão Europeia. Acordos - Hoje, a China também anunciou um acordo para adquirir 300 aeronaves da Airbus. De acordo com uma declaração do governo francês, a China Aviation Supplies Holding Company, fez uma encomenda de 290 Airbus A320 e 10 Airbus A350.

A informação foi revelada após o encontro entre Xi e Macron, no Palácio do Eliseu. Estima-se que a negociação seja avaliada em cerca de US$18 bilhões a preço de tabela. Outros detalhes não foram divulgados. Ao todo, foram assinados outros 14 contratos que abrangem os seguintes setores: energia, indústria alimentícia, transporte, naval, ambiental, de pesquisa espacial, artístico, entre outros. (ANSA)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório