Meteorologia

  • 26 JUNHO 2022
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Lula testa negativo para covid e confirma encontro com Alexandre Kalil em MG

Lula deve comparecer ao evento de lançamento da chapa com Alexandre Kalil (PSD), pré-candidato ao governo de Minas Gerais

Lula testa negativo para covid e confirma encontro com Alexandre Kalil em MG
Notícias ao Minuto Brasil

13:36 - 14/06/22 por Estadao Conteudo

Política Pandemia

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), que contraiu covid na semana passada, testou negativo para a doença nesta terça-feira, 14. Portanto, deve comparecer ao evento de lançamento da chapa com Alexandre Kalil (PSD), pré-candidato ao governo de Minas Gerais, nesta quarta, 15, em Uberlândia.

Em entrevista à rádio Vitoriosa, o petista elogiou o ex-prefeito de Belo Horizonte e o descreveu como alguém "com vontade de trabalhar e de fazer as coisas corretamente". Ambos devem subir no mesmo palanque para as eleições de outubro. Porém, a costura feita por Kalil no Estado tem peculiaridades.

Ao mesmo tempo em que terá o apoio de Lula, o ex-prefeito também conseguiu atrair para o entorno de sua pré-candidatura o União Brasil, partido de Sérgio Moro. Nesta segunda-feira, 13, o presidente da legenda, Luciano Bivar, disse ao Estadão/Broadcast Político, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, que a negociação foi facilitada pelo fato de o PSD não ter um candidato à Presidência, mas o apoio a Lula pela legenda de Kalil em Minas está formalizado desde maio.

Em nota, a assessoria do pré-candidato ao governo confirmou que ele esteve em Brasília em reunião com Bivar e Antônio Rueda, vice-presidente do União, na segunda-feira. Antes, o partido vinha negociando aliança com o governador Romeu Zema (Novo), pré-candidato à reeleição, e reivindicava a vice na chapa. O nome do deputado federal Bilac Pinto (União Brasil) foi cotado para ocupar a vaga.

Reservadamente, uma fonte que participou das negociações afirmou ao Estadão/Broadcast Político que houve uma quebra de palavra por parte de Zema em não destinar a vice ao União Brasil. A indicação do deputado federal Marcelo Aro (PP), segundo a fonte, já é praticamente "martelo batido".

Apesar do impasse estadual, a decisão do União Brasil de apoiar Kalil foi tomada em âmbito nacional. O desejo de Bivar em formar palanque forte no Estado, mesmo ciente da sua baixa viabilidade na corrida ao Planalto, fortaleceu a negociação. Segundo esse mesmo interlocutor, o ex-prefeito de Belo Horizonte vai "continuar" com Lula, mas garantindo também palanque a Bivar.

Campo obrigatório